Não sei o que se passou ao longo do meu processo de crescimento, que parece que agora é que tenho pés de bebé.

É raro os meus pés sofrerem. Sofrem com os saltos altos demoníacos do costume, mas ficamos por aí. Faço caminhadas infinitas e nada se passa. Ando descalça e nada se passa. Calço chinelos de enfiar os dedos, rosinhas, fofinhos e inofensivos e… Tungas. Toma lá um escaldão na planta dos pés. Ali. Bolhas gigantes e incómodas. Nunca tal me tinha acontecido e os chinelos nem sequer eram novos nem de plástico/borracha, daqueles que uma pessoa sabe a léguas de distância que não são uma boa escolha. Não era o caso destes. Agora, parece que só estou bem com os pés de molho.

Espero que seja um mal breve e que não aconteça novamente. Fiquei com um pó aos chinelos que acho que nestes dias de calor extremo começo a andar mesmo com sapatilhas e meias. Pelo menos, essas não me roem os pés! Só me apetece praguejar contra a indústria da chinelada. Nota para mim mesma: chinelos Havaianas. Só Havaianas!

Deixar uma resposta