Liquid Extraction Strip – Terça da Máscara

avon máscara peel off liquid extraction pele oleosa acne imperfeições resenha review

Vá, confessem, já tinham saudades da Terça da Máscara.

Não é Carnaval, mas a máscara de hoje é uma brincadeira gira.

Passo a explicar, hoje venho dar o meu testemunho sobre a Clearskin Professional Liquid Extraction Strip da Avon. Em Portugal, pelo menos, este é um produto recente.

Não gosto de comprar produtos às cegas, e apesar de não ter encontrado muitas informações sobre este gel/máscara, decidi arriscar. O prejuízo não seria muito, que de qualquer forma a Avon tem sempre preços bastante acessíveis.

Se a chamada é para a guerra contra os pontos negros, contem comigo.

Se os produtos prometem ser económicos, eficazes e de fácil utilização, melhor ainda. Esta pequena bisnaga lembrou-me de imediato a máscara da Shills e esse foi o factor que mais pesou na decisão final da compra.

Como sabem, adoro a da Shills (e se não sabem, leiam este post). Tenho uma bisnaga a terminar e não me estava a apetecer encomendar outra tendo alternativas eficazes para os pontos negros.

O processo de aplicação é o do costume: na pele limpa, aplica-se a máscara (neste caso, uma camada generosa nas regiões onde tenham pontos negros).

Espera-se que seque e depois, para retirar, puxa-se a máscara como se fosse um autocolante (o típico formato peel off).

Tenho utilizado a Liquid Extraction Strip com alguma frequência e já posso partilhar convosco as minhas conclusões:

  • Tem uma consistência viscosa, tal como a da Shills (se não conhecerem, sempre dá para comparar à textura da cola líquida branca para papel), embora seja mais fácil de aplicar.
  • Pelo menos, sinto que é mais fácil cobrir todas as áreas da pele que desejo sem que a máscara comece a recuar. 
  • Seca relativamente rápido. Em coisa de 20 minutos, meia hora.
  • É mais fácil de retirar que a da Shills (sai de maneira uniforme).
  • É muito eficaz. Eficaz de mais, digo.
  • Quando a retiramos, com ela vem não só a nhanha toda dos pontos negros mas também as penugens da nossa pele.

Apesar de a bisnaga ser pequena quando comparada com outras máscaras, dado que tem 30ml, considero que é bastante rentável especialmente porque não é suposto ser utilizada em todo o rosto.

Já não me lembro ao certo quanto paguei por ela (comprei em demonstração), mas o preço base é 12,00€ e é frequente encontrarem promoções com preços mais apelativos.

Se têm a infelicidade de lidar com pontos negros, saibam que podem experimentar este produto sem receios, que não se vão arrepender.


Related Posts

Impossível x Acessível #3

Impossível x Acessível #3

Juro que adoro a vossa adesão a esta rubrica! Por isso, cá vai mais disto, estava mortinha para conseguir ter conteúdo para vos falar. Sem mais demoras, outro Impossível x Acessível para @s melhores leitor@s do mundo. O estilo boudoir tem andado na berra e […]

Bandas para Pontos Negros – My Label

Bandas para Pontos Negros – My Label

Para quem sofre do mal dos pontos negros, nunca há satisfação total quanto a qualquer solução que nos caia nas mãos. Lido bem com o assunto e de tenho uma série de ferramentas que já vos apresentei, como a máscara da Shills ou o truque […]



8 thoughts on “Liquid Extraction Strip – Terça da Máscara”

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


%d bloggers like this: