cabelo

Já passou bem mais de um mês desde que tive a minha experiência Essensity. Não costumo ficar obcecada com a coloração do cabelo, mas desta feita tive especialmente atenta. Nem seria necessário, porque o espelho diz tudo. Não posso adiar por muito mais tempo o retoque da coloração. Por óptimos motivos! Nota-se perfeitamente a diferença entre a minha raiz (enorme) castanha muito escura e o resto do cabelo preto, mesmo, mesmo, preto. Fiquei surpreendida!

Normalmente, quando pinto o cabelo, o preto começa a desvanecer passado um mês, um mês e picos. Isto significa que não preciso de passar a vida a retocar o preto que tanto adoro, dado que nem sequer tenho cabelos brancos. É importante ter em conta que utilizo sempre colorações permanentes com amoníaco.

A coloração Essensity da Schwarzkopf Professional foi a primeira que, no meu cabelo, não desvaneceu. Perdeu aquele brilho de subtom azulado, super intenso, mas continuou preto e super brilhante. A tinta está cá toda, e nota-se perfeitamente o crescimento do cabelo. Quem diria? Se bem se lembram, é uma coloração sem amoníaco, rica em ingredientes nutritivos e hidratantes. Foi a coloração que, de todas as que já experimentei, largou mais tinta nas lavagens seguintes. E, mesmo assim, cá estou eu de cabelo super preto.

Fiquei mesmo bem impressionada com a coloração Essensity. Já não há motivos para os couros cabeludos sensíveis terem medo da coloração, especialmente quando os resultados até destronam muitas das boas colorações que existiam até agora.

1 comment on “”

Deixar uma resposta