Etiqueta: Spartoo

Não há vestidos pretos a mais.

vestido preto vestidos little black dress lbd look do dia lotd ootd outfit spartoo
1. Robe Perpignan, Vila; 2. Robe Lovette, Vila; 3. Robe Bellas, Vila; 4. Pia 2/4 Short Dress Wall, Vero Moda; 5. Jac Dress, Vero Moda; 6. Cameron Corsage Dress, Vero Moda; 7. Aron S/L Short Dress, Vero Moda; 8. Walley S/S Short Dress, Vero Moda

Ou pelo menos eu prefiro acreditar que é assim.

Perdão, nunca temos vestidos a mais. Mas os pretos, esses, têm um requinte especial.

Com o preto, nunca me comprometo.

Um vestido de uma só cor (especialmente preto) pode ser conjugado de mil e uma formas de maneira que ninguém tenha a ideia que já usámos aquele mesmo vestido muitas vezes, só nós sabemos quando estamos a repetir a peça.

Abomino a teoria de que a roupa é descartável e que só se pode usar uma combinação uma única vez. Pelo contrário, gosto de dar uso ao que tenho e se repito um conjunto é porque me senti bem com ele anteriormente.

Se estivermos a falar de peças intemporais, como grande parte dos vestidos pretos, não me importo de investir mais para assegurar que duram uma eternidade porque sei que lhes vou dar o merecido uso.

O preto toma especial encanto nesta lengalenga porque embora seja uma cor confortável e me faça sentir bem em qualquer circunstância, não cansa a vista como pode acontecer com vestidos de outras cores, ou com padrões.

Pudesse eu esbanjar, e esta pequena selecção do Spartoo viria morar toda cá para casa.

Como tenho de me conter, estou mais inclinada para os rendados da Vero Moda e da Vila (o 3, o 7 e o 8) porque dentro dos géneros restantes já existe algo no meu roupeiro.

Qual é o vosso preferido?

Saldos sem confusão

Saldos Spartoo promoções cupão desconto

Sabem o que é que me alegra depois de ter ouvido toda a gente queixar-se da confusão de hoje nos saldos?

Saber que no Spartoo também já começou a grande época dos descontos. Comprar na Internet tem as suas vantagens e uma delas é evitar as multidões.

No caso específico do Spartoo, ainda há outra vantagem: é que os saldos são mesmo saldos, com preços aliciantes.

descontos até 70% (eles são modestos, dizem que os saldos só vão até aos 60% mas se vasculharem vão ver que até encontram descontos maiores), mesmo nas marcas mais caras.

Há sapatos, malas e peças de roupa (t-shirts e blusas) a preços tão absurdos como 12€.

Como tenho bastantes pontos de fidelidade (sim, sabiam que por cada compra que fazem no Spartoo ganham pontos que depois podem converter em dinheiro?), vou aproveitar para comprar umas pantufas novas.

Depois, tratarei de presentear o meu irmão com uns ténis novos.

Não sei como é convosco, mas eu gosto de escolher as peças que andei a namorar e que estão a preços mais baixos no conforto do lar.

Sapatos de plataforma – Sim ou Sopas?

oxford brogues sapatos de plataforma do coxo

No Sim ou Sopas de hoje temos os sapatos de plataforma.

Ou sapatos do coxo, como lhes quiserem chamar.

O modelo da imagem é da Arian. Têm-se visto muitos modelos deste género pelas lojas e ruas de Portugal ultimamente.

O mais interessante é que para além dos sapatos e botas, que sempre foram existindo, também há ténis (tipo All Star, por exemplo) deste género.

Fico sem perceber muito bem qual é a intenção de criar uns ténis/sapatilhas com plataformas assim, porque nas raras vezes que calço ténis é porque preciso de um calçado prático e confortável, preparado para qualquer tipo de piso.

Sim, podem refutar esta minha opinião alegando que até achei piada a alguns modelos de ténis com cunha, mas essa é uma história completamente diferente.

Se eu quero parecer mais alta, uso sapatos com salto ou cunha que sejam elegantes. Se não me vou sentir confortável nas alturas, prefiro manter os pés bem assentes no chão sem parecer o Príncipe Encantado do Shrek.

Sopas, um panelão capaz de alimentar um regimento.

E vocês? Sim ou sopas aos sapatos de plataforma?

Tal filha, tal mãe – Vero Moda

Camisa Laço Vero Moda Bow Shirt ootd lotd look do dia spartoo

Já vos tinha contado que andava a namorar esta camisa da Vero Moda há algum tempo.

E assim que pude fiz com que viesse parar cá a casa. Ainda não a estreei, e a intenção é guardá-la para a véspera ou para o dia de Natal.

No entanto, quando faço encomendas para mim no Spartoo, gosto de as mostrar à minha mãe porque também gosto das vezes em que ela faz o mesmo comigo.

Acabamos sempre por cobiçar a roupa e os sapatos uma da outra e, infelizmente, não dá para partilhar quase nada porque temos tamanhos muito diferentes.

Por vezes, lá tenho autorização para usar um ou outro acessório. Mais raramente, as minhas coisas também são catrapiscadas.

E é desta forma que acabamos por ter algumas peças iguais, e o mais engraçado é quando vestimos peças iguais ao mesmo tempo sem termos combinado.

Bem sei que não tem o mesmo impacto que se eu fosse uma criança pequena, mas não deixa de ser interessante que eu com 22 anos e a minha mãe com 53 acabemos a gostar das mesmas coisas.

E não, acho que nenhuma de nós está desenquadrada nem veste coisas desadequadas à idade. Ok, por vezes visto roupa da secção infantil, admito, mas acho que isso não tem mal nenhum.

Está visto que em breve terei de oferecer uma camisa igual à minha, porque cada vez que se fala no assunto cá em casa oiço logo algo do género a tua camisa é mesmo muito gira, hás-de ver se há tamanhos maiores.

Casaco novo, vida nova – Only

casaco only spartoo ootd lotd look do dia dr martens leather jacket
Blusão – Only | Vestido – Vêti (antigo) | Túnica – Vêti (antigo) | Botas – Dr Martens | Laço – Marias | Batom – O Boticário

O título é um exagero mas já andava à procura do casaco de cabedal preto perfeito há algum tempo.

Nunca encontrava nada que me enchesse as medidas.

Ou eram demasiado justos, ou eram demasiado folgados. Nalguns, o cabedal parecia demasiado grosso, pesado e pouco maleável. Noutros, parecia que podiam rasgar a qualquer momento.

Não me importava que fosse sintético, desde que fosse de boa qualidade (vê-se por aí cada tecido de napa estranho!).

Em tempo de tachas, ainda se torna mais complicada a busca pelo casaco ideal nas lojas porque quando há modelos giros, normalmente são estragados com picos de gosto duvidoso e já se sabe que toda a gente vai andar igual.

casaco only spartoo ootd lotd look do dia dr martens leather jacket

Quando vi este modelo da Only no Spartoo (eu avisei que por lá não encontram só sapatos), fiquei logo com a pulga atrás da orelha.

É feito de tecido sintético, com costura acolchoada na frente e com mangas em malha. É muito giro e diferente da maior parte dos blusões que tenho visto por aí.

A gola redonda e o cintado foram o que mais gostei, e tive de pesquisar mais imagens na Internet para ver se correspondia ao que eu estava a imaginar. O preço? 60€.

Negócio fechado, encomendei-o e cá está ele.

Sei que as comparações de tamanhos podem ser úteis, pelo que vos digo aqui que escolhi o S e como vêem fica justo (mas não desconfortável). É importante salientar que por baixo tenho um vestido de lá e uma túnica de ganga.

Tive as minhas dúvidas entre o S e o M, mas encontrei imagens de uma modelo de 1,75m que não me pareceu escanzelada de todo e vestia o S, pelo que decidi arriscar e a experiência correu bem.

Agora, tenho os blazers da Only a tilintar na minha cabeça.

O cliente tem sempre razão

Friis & Company mala acessórios spartoo moda

E mesmo que o cliente não tenha razão, muitas vezes fazem-se os possíveis para o manter satisfeito.

Um dos males de comprar online pode ser o mar de chatices em que nos metemos caso as nossas compras não cheguem nas melhores condições ou não tenham a qualidade que esperávamos.

Foram poucas as vezes em que isto me aconteceu, e felizmente consegui sempre resolver os problemas.

As experiências com o apoio ao cliente das lojas que se falam num blog também têm de ser partilhadas quando existem.

Recentemente, contactei com o apoio ao cliente do Spartoo para mostrar o estado miserável em que estava uma mala que poucas vezes pude usar porque se desgastou imenso e as alças começaram a partir/rasgar sem que eu tivesse andado na guerra ou a transportar toneladas de tralha.

Não esperava que encontrassem uma solução para o meu problema porque este episódio passou-se no final de Outubro e eu tinha encomendado a mala em Julho.

Por que é que demorei tanto tempo a contactar o Spartoo?

Vá, não me batam. Primeiro, porque encomendei a mala para a usar depois do Verão. Na altura estava com 40% de desconto. Consequentemente, só mais de um mês depois de ter recebido a mala é que a utilizei.

Devo ter andado com ela no máximo uma semana. Depois, pensei que não houvesse solução possível e comecei a engonhar mesmo depois de me terem dito para entrar em contacto com a loja.

Uma coisa é certa, não me sentiria bem se não desse o meu feedback sobre o que aconteceu com a minha mala da Friis & Company porque sei que a minha opinião, boa ou má, enquanto consumidora pode contribuir para um serviço melhorar.

Friis & Company

Adiante com a história, lá enviei as fotos que vos mostro para o apoio ao cliente do Spartoo e em menos de um dia responderam-me  a sugerir que entrasse em contacto por telefone porque iriam proceder à substituição do artigo.

Wow, foi muito melhor do que eu esperava!

Da experiência que tenho com as lojas físicas, ter-me-iam mandado dar uma curva se ao fim de quase 3 meses quisesse trocar uma mala.

Lá me agarrei ao telefone e enquanto explicava a situação ao senhor que me atendeu, recebi de imediato por email duas etiquetas pré-pagas dos CTT para poder devolver a mala danificada.

No dia seguinte, quando a mala chegou ao centro de distribuição dos CTT, devolveram em cupão no site o mesmo valor que tinha gasto.

Fiquei satisfeitíssima com o apoio ao cliente do Spartoo.

Agora, uma coisa é certa. Não me apanham a comprar malas da Friis & Company nem que chovam elefantes.

Eu que pensava que por serem relativamente mais caras que muito boas marcas que também há no Spartoo fossem melhores, enganei-me redondamente. A caminho, vem a donzela da imagem que é da StylistClick.

Não tem nada a ver com a defunta da Friis & Company, mas necessitava de uma mala preta nova para o Inverno e esta é bem catita.

Esmeralda Elegante – Shelly’s

shelly's spartoo sapatos pumps salto alto verde esmeralda pantone

Os sapatos também podem ser jóias e eu estou apaixonada por este modelo da Shelly’s.

Estou apaixonada por quase todos os modelos da marca, mas isso é outra história.

Na verdade, estava à procura de sapatos vermelhos porque não tenho nenhuns mas pelo caminho surgiram estes e eu achei-os tão bonitos mesmo assim, em verde esmeralda, e distraí-me de tal maneira que só agora é que me lembrei que não encontrei os sapatos vermelhos que me faziam falta porque nem sequer continuei a procura.

O verde não é uma cor tão comum, por que não comprar uns sapatos verdes? Ainda não sei como vou fazer, mas estes Bella (havia lá nome mais adequado para o modelo!) ficam já presos na minha wishlist.

São altos, fechados, têm uma tira de fivela no tornozelo (assim oferecem maior suporte), tem um lacinho na ponta e um salto largo que parece ser confortável.

Que mais podia eu pedir? Que fossem vermelhos? Não pode ser, que assim é que eles são bonitos.

Burgundy

moda sapatos calçado burgundy spartoo cor de vinho bordeaux salto alto botas sabrinas
1. Arian | 2. Betty London | 3. dkode | 4. Dr Martens | 5. JB Martin | 6. Friis & Company | 7. Marian | 8. Feud | 9. Ravel

Já que estamos numa onda de Outono, é pertinente falar de uma das cores que mais gosto e que tem a cara da estação.

Cor-de-vinho, bordeaux, burgundy.

Chamem-lhe o que quiserem. Esta é a cor das melhores rosas e das melhores cerejas. Para mim, é a cor da sensualidade e quando é usada nos lábios é linda de mais.

No entanto, e apesar de adorar cor-de-vinho, não gosto muito de vestir roupa desta cor. Vá-se lá entender. Tenho muito pouca coisa.

Tenho algumas saias, umas calças de napa e acho que é só. Prefiro a cor-de-vinho nos acessórios e no calçado por me parecer que assim tenho muito mais possibilidades de conjugação.

Nos outros anos, sentia uma certa dificuldade em encontrar calçado cor-de-vinho. Havia os típicos All Star, um ou outro par de scarpins e pouco mais que isso nas sapatarias do costume.

Em 2012, pelos vistos, a cor-de-vinho foi uma grande aposta e há sapatos e botas lindos nesta cor.

Luvas Moschino – Ideia para DIY

Eu sei que ainda é cedo para pensar nas indumentárias do tempo frio.

Mas nunca é cedo de mais para pensar em pôr mãos à obra e investir num projecto de personalização.

Não gosto de ter coisas simples de mais. Gosto de pormenores, de detalhes que marquem a diferença. Quando se trata de acessórios que se podem perder algures, é sempre bom termos as nossas peças únicas.

Aposto que toda a gente já ouviu a pergunta de quem é isto? (sendo isto um qualquer objecto que possa estar desarrumado, por exemplo, numa sala de convívio).

Quando temos algo que mais ninguém tem, que se destaca, é mais fácil encontrar os nossos pertences porque as pessoas que nos rodeiam também os identificam como sendo nossos.

luvas moschino diy spartoo faça você mesmo crochet tricot tricô costura moda acessórios

Numa das minhas frequentes visitas virtuais ao Spartoo, encontrei as luvas da Moschino e à semelhança do que tem acontecido com os artigos que vou encontrando da mesma casa, fiquei deliciada. Mas, e os preços?

O faça-você-mesmo é muito terapêutico. Acho que vou ali pegar numas correntes, miçangas, botões, agulha e linha e já cá volto.

E vocês? Já pensam no Inverno e nas novas colecções? Que pensam dos trabalhos manuais?

Miss L’Fire

miss l'fire botas vintage sapatos spartoo vitorianas eduardianas          miss l'fire sandálias vintage sapatos spartoo pinup rockabilly pin upmiss l'fire sandálias vintage sapatos spartoo pinup rockabilly pin up peep toe bordadas          miss l'fire sandálias vintage sapatos spartoo pinup rockabilly pin up

Se eu não vos trouxesse sapatos de boneca, até seria de estranhar. Adoro descobrir marcas bonitas no Spartoo.

Desta feita, descobri a Miss L’Fire.

O nome serve-me na perfeição, agora que tenho os cabelos da cor do fogo!

Acho que ficava contente se pudesse ter qualquer um dos pares da marca, mas os quatro que seleccionei para vos mostrar são deliciosos!

São super femininos e delicados, e lembram imenso o antigamente. Felicidade era ter os botins e as sandálias com flores bordadas. Seria possível alguém não gostar?

São modelos de sapatos assim que me fazem ter uma certa aversão a calçado desportivo na maior parte dos dias.

Como é que nós, mulheres, podemos desleixar o calçado quando há sapatos tão bonitos que podem fazer toda a diferença nos dias em que nos sentimos cansadas e feias, quando parece que nada nos fica bem?

Eu acredito que o que calçamos tem o condão de nos fazer sentir maravilhosas.