Etiqueta: Sim ou Sopas

Sim ou Sopas? #14

Sandálias Victoria Sandals

Andando eu a redescobrir tesourinhos da arca do blog, apercebi-me que há muito tempo que não vos faço uma pergunta destas. Se não se lembram do Sim ou Sopas, estão perfeitamente a tempo de recuperar o contexto. Sabem daquelas peças de roupa, calçado e/ou acessórios que efectivamente causam em nós qualquer impressão, mas não sabemos dizer se é boa ou má?

Aconteceu-me com estas sandálias da Victoria. Ainda não decidi se as adoro ou se as detesto. Reunem três coisas que abomino:

  • A sola branca, habitualmente admissível em sapatilhas mas dispensável no restante calçado no geral;
  • O formato da sola, que acaba por ser uma espécie de plataforma à “sapato do coxo”;
  • A tira frontal, que me lembra sempre as sandálias à turista. Juntem um par de meias e percebem do que é que estou a falar.

Ok, o dourado também pode ser controverso, mas tenho de vos confessar que tenho gostado de mais calçado dourado do que seria aconselhável. Isso, e a textura de pele de réptil. Também não fica bem em tudo.

Fico mesmo com muitas dúvidas perante este modelito, porque apesar de tudo as sandálias têm um aspecto leve e confortável, à semelhança do que é habitual na marca. E conforto e leveza são coisas que exijo agora no meu dia-a-dia. O calcanhar é ligeiramente mais alto que a frente da sandália e tudo. Então… Parte de mim quer encomendá-las, que são sandálias bonitas. A outra parte diz que não, que são uma tremenda piroseira.

Por isso, ajudem-me: sim ou sopas para as Victoria Hebilla Coco?

Sim ou Sopas? Nº13

outfit-long-black-coat-new-balance-420-sneakers-710x1065

De repente, parece que um dos meus maiores pesadelos se tornou realidade: anda tudo a sair à rua de roupa “normal”, compostinha, vá, mas estraga-se tudo quando os meus olhos se fixam nos pés das donzelas. Porquê? Porquê? Que raio deu na veneta das pessoas para desatar tudo a calçar ténis desportivos com roupa do dia-a-dia, por vezes vestidos e até conjuntos mais clássicos?

Cá para mim, até aos dias que correm, este fenómeno era sinal de desleixo. Sucede que alguma desleixada deve ter exercido influência sobre o resto da malta e, pimbas, agora anda toda a gente produzida, mas de ténis.

Respeito totalmente quem gosta desta “novidade”, mas eu passo. Para mim, isto é um caldeirão de sopa. De tomate, daquela nojentinha que eu não gosto de maneira nenhuma. Com tantos sapatos bonitos, delicados e femininos, tão ou mais confortáveis, e esta gente a calçar ténis e sapatilhas (muito bonitos, mas out of context) daquelas que eu só uso para ir fazer exercício e mesmo assim faço figas para que ninguém veja.

Ténis há muitos, e não tenho problemas nenhuns em calçar alguns modelos (com conta, peso e medida) no dia-a-dia. Contudo, calçar modelos mais desportivos seria descontextualizado, tanto como andar de chinelos na neve.

E vocês, que acham desta “moda”? Sim ou sopas? Contem-me tudo!

Sim ou Sopas? #12

169385_350_A

Ultimamente, tenho reparado que as lojas estão recheadas de calças com tecidos, padrões e acabamentos bastante diferentes do convencional e do que é habitual encontrar. Pelo menos, diferentes daquilo que se conheceu dos anos 70 e 80, em especial. Por vezes, sou um pouco extravagante com o meu vestuário e reparo muito nas peças diferentes, que se destacam entre o resto no meio de pilhas e cabides nas lojas onde costumo passear ou comprar roupa. Para mim, até há pouco tempo, havia uma grande lacuna neste mundo. É certo que há tendências e modas que ditam aquilo que se vende e o que é impensável produzir, mas numa sociedade onde é cada vez mais normal encarar o que é alternativo e inovar, as calças (as saias nem tanto) eram todas muito simples, muito sem sal.

Se eu tenho uma pilha de camisolas e blusas básicas, de uma só cor ou com detalhes discretos, por que é que não hei-de poder combiná-las com umas calças que se destaquem mais? Hoje em dia, já não tem de ser ao contrário, como nos habituámos. Mais do que isso, até já começa a haver boas peças a preços muito mais convidativos e acessíveis para uma peça de roupa que eventualmente cai em desuso rapidamente.

No Spartoo, encontrei estas calças bronze da Vero Moda. Uma parte de mim, diz que seriam lindas e que usaria imenso com quaisquer partes de cima de uma só cor neutra. Por outro lado, penso que se vestisse umas calças assim, ficaria a parecer um daqueles homem-estátua que encontro frequentemente na Baixa de Lisboa.

Que me dizem, sim ou sopas?

Sim ou Sopas? #11

Arian-JASPIRA-165073_350_A

No Sim ou Sopas de hoje temos os sapatos de plataforma. Ou sapatos do coxo, como lhes quiserem chamar. O modelo da imagem é da Arian. Têm-se visto muitos modelos deste género pelas lojas e ruas de Portugal ultimamente. O mais interessante é que para além dos sapatos e botas, que sempre foram existindo, também há ténis (tipo All Star, por exemplo) deste género. Fico sem perceber muito bem qual é a intenção de criar uns ténis/sapatilhas com plataformas assim, porque nas raras vezes que calço ténis é porque preciso de um calçado prático e confortável, preparado para qualquer tipo de piso. Sim, podem refutar esta minha opinião alegando que até achei piada a alguns modelos de ténis com cunha, mas essa é uma história completamente diferente.

Se eu quero parecer mais alta, uso sapatos com salto ou cunha que sejam elegantes. Se não me vou sentir confortável nas alturas, prefiro manter os pés bem assentes no chão sem parecer o Príncipe Encantado do Shrek.

Sopas, um panelão capaz de alimentar um regimento.

E vocês? Sim ou sopas aos sapatos de plataforma?

Sim ou Sopas? #10

Sim, sopas, muitas sopas, que com este tempo de sopa não há quem aguente. Parece que o clima arrefeceu muito de repente e eu que sou de extremos estou para aqui a tremelicar com frio.

São três e quinze da manhã e eu acabei de comer uma valente tigela de canja, e já tenho uma botija quentinha aos pés. Confesso que já tinha saudades disto. É muito bom enquanto funciona para aquecer! Lá para Janeiro, nem assim se resolve o problema.

E vocês? Sim ou sopas para o tempo frio?

Sim ou sopas para as sopas e canjas?

Sim ou Sopas? #9

Na semana passada, a actriz Emma Watson apareceu na première do seu mais recente filme The Perks Of Being A Wallflower com um vestido preto, com calças pretas por baixo.

Será que o frio era muito? Ou a depilação não estava em dia? Bom, os motivos eu não sei.

Esta combinação que à partida seria um grande panelão de sopas, para mim é sim. Olhem que neste caso eu gostei bastante de ver. Será que o peplum se transformou em algo mais e os vestidos passam a ser o peplum da crise?

Espero que isto não se converta numa daquelas pancadonas da moda e que desate toda a gente a andar de vestido e calças sem bom senso. Parece-me que para resultar bem, tem de ser algo muito bem ponderado e não é qualquer corpo que se pode dar a luxos destes.

Que me dizem? Sim ou sopas?

Sim ou Sopas? #8

Diz que o camuflado está de volta e em alta. Sinceramente, pensei que seria um exagero na especulação dos ditos senhores entendidos na moda, mas o facto é que as lojas estão recheadas de peças e acessórios com padrões camuflados e outros detalhes militares.

Pessoalmente, adoro verde-seco. Tenho algumas peças da época dos meus 15 anos que estão dentro desta categoria “militar” que adoro, outras foram para dar sem saudade nenhuma. Com camuflado, acho que tenho um top (será que já foi embora? Agora fiquei curiosa), mas não sou fã do padrão. Lembra-me de mais o meu tempo de escoteira. Também me lembra as roupas dos caçadores e o aspecto hostil do sítio onde costumo comprar algumas malas e mochilas de exército (que acho lindas, todas verdes!) na Feira da Ladra.

Acho pouco provável vir a mudar de ideias, por isso… Sopas.

E vocês, que dizem? Sim ou sopas?

Sim ou Sopas? #7

Esta história dos sapatos é do mais controverso que há e é das tais coisas que quando não gosto à primeira vez que olho para eles, é pouco provável que a minha opinião se venha a alterar mais tarde.

Ultimamente, tenho visto muitos sapatos/ténis (não sei bem o que lhes chamar) que misturam o conceito de ténis-dunk com o de sapato com cunha. Confesso que não desgosto dos que se assemelham mais aos ténis e cuja cunha passa despercebida, fiquei muito curiosa com este tipo de calçado porque é uma maneira fácil e aparentemente descontraída e confortável de ficar mais alta.

Por outro lado, os que tentam parecer mais femininos ao assemelharem-se mais aos sapatos, são tão feios que mete dó. Nem sequer consigo entender como é que há quem deteste aqueles ténis horríveis tipo All Star de biqueira mata-baratas e com salto e depois gabe esta “novidade”.

Sim ou sopas?

Sim ou Sopas? #6

No Sim ou Sopas de hoje temos os loafers. Favor não confundir com os tradicionais, que sempre conheci como mocassins, bastante mais trabalhados e constituídos por várias peças de tecido/pele/tela unidas, nem com alpargatas.

Não sei o que vocês têm para me dizer sobre este calçado e esta moda que por aí anda. Para mim, os loafers encontram-se na categoria dos pantufos de trazer por casa, a par com as Ugg e Vans sem atacadores. Confesso que ter uns pantufos com padrão leopardo até podia ser engraçado. Já os dos picos, são dispensáveis em qualquer circunstância. Pantufos por pantufos, prefiro os tradicionais de carneira que trago da Serra da Estrela (já é tradição, e no dia em que vier da Serra sem pantufos novos é caso grave).

Loafers nos meus pés? Um panelão de sopas! Não me parece.

Sim ou sopas?

Unhas Caviar – Sim ou Sopas?

unhas caviar manicure nail art

O Sim ou Sopas de hoje prende-se com algo que tenho visto muito ultimamente por esses blogs fora.

É a tal da tendência das unhas caviar e sinceramente eu não sei o que hei-de pensar sobre ela.

Quando pensamos que já inventaram tudo no campo dos vernizes para as unhas, tufas, lá vem alguém com invenções.

Pessoalmente, detesto caviar. Mas gosto daquelas bolinhas doces de polvilhar os bolos. É isso que estes vernizes lembram.

Consequentemente, não sei se algo assim duraria muito tempo nas minhas unhas sem que eu, sem querer, comesse tudo.

A propósito, será que isto tem uma durabilidade decente nas unhas?

Alguém já experimentou? Digam-me de vossa justiça.

Sim ou sopas?