Etiqueta: Restaurantes

Francesinhas no Dote

Era o aniversário do Luís e decidimos que iríamos almoçar fora.

Tinha de ser algo especial, algo de que gostasse mesmo muito, mas não nos apetecia ir muito longe. Não é só no meio de Lisboa que existem bons restaurantes e mesmo dentro do leque dos que detêm várias casas com o mesmo nome, a expansão para as nossas bandas tem acontecido e sempre dá para visitar os sítios badalados de que falam todos os nossos amigos sem nos metermos no meio do trânsito.

francesinha
Claro que a minha é sem ovo!

Ficou decidido, após pesquisa no Zomato, que o almoço seria no Dote (Colinas do Cruzeiro, Odivelas). Inicialmente, não tínhamos a certeza se iríamos ao Dote ou ao Marco, mas optámos pelo primeiro tendo em conta a opinião da Telma e do Pedro. Uma das primeiras coisas que descobrimos assim que chegámos foi que a nossa indecisão era desnecessária, já que ambas as casas pertencem à mesma entidade e servem os mesmíssimos pratos. Assim, faz sentido que se situem frente a frente!

Devo dizer que, apesar de não ser perita em francesinhas, tenho um paladar exigente e sei analisar quando o prato é bom ou não. Parti para esta experiência com outras duas ou três para servir de comparação. Bom, não é o mesmo que a francesinha em forno de lenha, tradicional, mesmo no Porto. Mas olhem que não é nada, nada má!

Pedimos ambos a opção mais simples, tradicional, sem inovações, que dá pelo nome de Top. A minha tem a particularidade da ausência de ovo estrelado, já que é algo de que não gosto. Estava deliciosa, com boa batatinha frita caseira e temi não conseguir comer tudo, mas lá fiz o enorme sacrifício de não deixar restos no prato (há sempre espaço para boa comida!). O molho estava presente em abundância e deixaram-nos à vontade para pedir mais, caso desejássemos. E a comilança ficou por aqui? Não!

cheesecake

Quando ouvimos falar em sobremesa, o empregado que nos atendeu teve o desplante de mencionar um cheesecake de frutos vermelhos. Que golpe baixo! Escusado será dizer que eu, que dizia estar para lá de cheia e que não iria conseguir comer mais nada, pedi uma fatia para mim. Já ouviram falar naquele estômago extra para guloseimas? Pois.

Claro que nem só de comida se faz um restaurante, pelo que tenho de destacar também a simpatia extrema e a amabilidade dos funcionários. Deixaram-nos à vontade e foram muito queridos com a Teresa – aliás, nada temam se quiserem levar as vossas crianças, porque as instalações estão preparadas para elas. Os preços são acessíveis e o melhor é que este é um dos parceiros do Zomato Gold (é um serviço que podemos subscrever e que nos concede 2 por 1 em 300 restaurantes de Lisboa).

Só falta dizer que talvez seja aconselhável fazerem reserva, porque consta que o espaço enche muito rapidamente. No nosso caso, apanhámos um momento de calmaria, já que fomos quase fora de horas num dia de semana.

Se gostam de francesinhas, recomendo muito o Dote!

Dote Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Restaurante Maria Albertina

Restaurante Maria Albertina

Numa destas noites, como bons comilões que somos, aceitámos o convite do restaurante Maria Albertina e rumámos à Parede para jantar. Após andarmos perdidos por ruas até então desconhecidas, conseguimos encontrar o local. Quem o vê por fora, se não conhecer, não imagina o que está escondido por trás da porta.

O Maria Albertina é um estabelecimento que serve comida típica portuguesa, com uma configuração um pouco diferente do típico e velhinho restaurante: o espaço é amplo mas acolhedor, com uma decoração que alia elementos tradicionais e antigos à modernidade dos dias que correm.

Os menus são conhecidos e apreciados pela população portuguesa, no geral, mas têm um toque especial dado pelo Chef Eduardo Cardoso, responsável pela cozinha e cuja carreira inclui vários restaurantes nacionais e internacionais com Estrelas Michellin. Optámos por pedir pratos que fossem familiares ao nosso paladar.

O L. optou por ficar pelas típicas entradas (pão com manteiga, queijos e afins), mas eu experimentei os cogumelos frescos salteados. Bem sei que é um petisco simples, mas é dos que mais gosto e nem sempre fica perfeito. Aqui, não tenho nada a apontar! Estavam no ponto, deliciosos.

Posteriormente, optámos por pedir ambos o mesmo prato (neste restaurante, aconselho que peçam 1 dose por pessoa!): abanicos de lombo de porco ibérico com puré de maçã. Por norma, viria com batata a murro, mas preferimos trocar por batata frita (porque somos gulosos). Sobre eles, tenho a dizer que estavam muito bons. Não estavam demasiado passados, estavam bem condimentados (como pede o paladar do português) e os acompanhamentos estavam igualmente bem confeccionados.

Passámos à sobremesa, com muitas indecisões. É que a oferta é muito variada e as sobremesas tinham óptimo aspecto. O L. pediu mousse de chocolate preto e eu escolhi o cheesecake de framboesa à chef (mas fiquei a meditar nas farófias!). As sobremesas são servidas em dose generosa e ambas estavam deliciosas.

Outro dos aspectos que nos fez adorar a experiência e ficar com vontade de a repetir foi, sem dúvida, o atendimento: o staff é super atencioso e simpático, e mesmo com a casa cheia não escapou nenhum detalhe, o serviço foi rápido e quiseram sempre ter a certeza que tudo estava do nosso agrado.

Os preços habituais não são nada do outro mundo, sendo que, em média, gastarão cerca de 25€/2 pessoas por refeição. Aconselho que façam reserva com antecedência, já que aos fins-de-semana o restaurante fica cheio. Fomos informados que, durante a semana, costuma haver menos movimento. Pareceu-me um espaço com bastante potencial para jantares de grupo, e inclusivamente decorreram dois ou três durante a nossa visita.

Sem dúvida, foi uma boa surpresa e é uma óptima opção para comer fora sem ir à falência nas imediações de Cascais.

Maria Albertina Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Rota de Tapas – 5ª Edição

5ª Edição Rota de Tapas Estrella Damm Lisboa

No dia 21 de Maio, começou a 5ª edição da Rota de Tapas Estrella Damm em Lisboa (3ª edição no Porto). Até ao próximo dia 7 de Junho, será possível tapear pelos bairros da Madragoa, Bairro Alto, Príncipe Real, Alfama, Cais do Sodré e Rossio (Baixa e Ribeira no Porto), degustando diversas tapas com ingredientes dentro do mote Sabores da Terra e do Mar.

Por 3€, será possível degustar 1 tapa + 1 mini Estrella Damm e coleccionar os carimbos no mapa do percurso. Com dois carimbos, podem andar à boleia de Tuk Tuk entre os diferentes estabelecimentos. Com três carimbos, podem habilitar-se a uma viagem a Barcelona e um jantar no famoso restaurante Ticket.

11267702_10204103740304765_2015909174_n

Esta é uma oportunidade de passear e provar novos sabores, e nesta edição parece que até o clima ajuda e convida a que participemos. Eu já dei a minha voltinha, tendo começado pelo Tapa Bucho, pela Velha Gaiteira e pelo Kizzy. Devo dizer que a tapa do Tapa Bucho foi a minha favorita (podem ver do que se trata no mapa e aconselho que provem).

Vão aproveitar ou já aproveitaram para ir tapear?

Natura Renovada

_DSC2081

No sábado passado, fui convidada para assistir e celebrar uma série de mudanças boas que têm acontecido com a Natura (obrigada Vanessa, Marta e Helena!).

_DSC1475
O “nosso” grupinho: eu, Sara Meess (Diary of Fashion), Sara Cabido (Little Tiny Pieces of Me), Silvana Querido (In Vogue), Helena Magalhães (The Styland), Vanessa Ferreira (Chic Diary) e Marta Martins (Pegada Feminina)

Juntou-se um bom grupo de bloggers amigas e, todas juntas, rumámos ao Meco para ver e experimentar as peças da nova colecção da marca, festejar a nova loja online e conversar e dançar muito.

_DSC1518

Houve tempos em que vivi amuada com o fofo do urso. Hoje em dia, ele está mais crescido e amadureceu. As mudanças estão à vista: a Natura apresenta produtos de qualidade, bonitos e a bom preço. Foi uma surpresa agradável descobrir todas as novidades. E sabem o melhor? Os tamanhos das peças foram feitos para pessoas normais, isto é, com medidas razoáveis. Por exemplo, sabem daqueles vestidos de Verão, e calças, com comprimentos astronómicos? Por aqui não há disso, não há peças de tamanhos pequenos com comprimento digno de gigante. As novidades têm chegado às lojas esta semana, e eu aconselho-vos mesmo a dar uma espreitadela. Por aqui, nos próximos tempos poderão ver algumas das minhas escolhas.

_DSC1959

A apresentação decorreu no bar Gula do Meko e, como tal, é óbvio que a festa não se ficou pelo recinto interior e pelas peças de roupa veraneantes. Cocktails, gelados e músicas – com as amigas, é o que se pede numa tarde atípica de muito calor em Maio. Os DJs André Henriques e Filipe Gonçalves foram responsáveis pela banda sonora que animou a nossa tarde. O fotógrafo Pau Storch esteve lá sempre connosco para capturar momentos bonitos como os que podem ver neste post. A diversão faz-nos felizes. Queremos mais tardes assim, queremos mais tardes Natura!

_DSC2226

Lisbon Blinner – Impressões

Lisbon Blinner Blog Meeting
A fotografia de grupo

Cá está o post que já devia ter saído há 500 anos sobre o evento mais mediático dos últimos tempos. Especialmente para quem não pôde ir, deixem-me que vos faça pirraça. Ainda não tinha dito grande coisa sobre o Lisbon Blinner – The Pinup Edition porque para além de andar a correr, ocupada com uma panóplia de assuntos que tiveram de ocupar um plano prioritário na minha vida, confesso: estava à espera das fotografias oficiais do jantar, e das restantes que foram sendo tiradas um pouco por toda a gente… Menos eu! Gosto tanto de viver os momentos que me esqueço de dar uso às máquinas fotográficas. Por isso, e para que fique já tudo esclarecido, podem clicar em cima das fotografias deste post para serem redireccionadas para as autoras.

Lisbon Blinner Blog Meeting
As organizadoras: Jael (Coquette à Portuguesa), Joana (Joana Arêde Cotovio Makeup Artist) e eu. Falta a Patrícia!

Em primeiro lugar, digo-vos que a escassos dias do grande jantar andei a stressar com receio que algo não corresse bem. Felizmente, correu tudo às mil maravilhas não só graças ao esforço das restantes organizadoras (a Jael, a Joana e a Patrícia) mas também porque tivemos a Joana sempre ao nosso lado, disponível para ajudar com tudo. Mesmo não fazendo parte da organização, acabou por fazer. Teve um papel fulcral. Foram todas incansáveis! É claro que ter presente no Blinner um grupo de bloggers de alta categoria, todas lindas, simpáticas e super acessíveis e compreensivas também foi essencial para o sucesso do evento.

Lisbon Blinner Blog Meeting
Eu e a Ana Rita (Let’s Talk About Beauty), que é família!
Lisbon Blinner Blog Meeting
E a Sara (Eighteen and a Life) e eu, que tenho pena que ela more lá longe porque gosto muito dela, também

A ideia das pinups foi do melhor, porque deu perfeitamente para identificar (quase) toda a gente do nosso grupo só pelo batom vermelho. Enchemos o The Great American Disaster de mulheres bonitas! Gostei muito de conhecer umas quantas caras novas e pôr a conversa em dia com outras tantas. Vejam bem, até do Porto vieram algumas amigas! E de Leiria, e de outros locais relativamente distantes de Lisboa. É importante mencionar este facto para que quem nos vê de fora perceba como este tipo de encontros são relevantes.

Lisbon Blinner Blog Meeting
Ana Rita (Let’s Talk About Beauty), Tânia (Makeup Pt), eu, Joana Cardoso (The Paper and Ink) e Giselle Limirio (Unique by Gi). O Porto veio até nós!

O jantar demorou muito tempo a ser servido, mas foi compreensível porque houve alguns atrasos e também faltas de presença das quais não tivemos conhecimento em antemão. Ficámos aborrecidas, mas quem perde foi quem não compareceu. Tivemos pena porque o número de vagas era limitado e poderíamos ter dado uma oportunidade a outras pessoas. À parte deste detalhe, tudo estava impecável. Creio que toda a gente adorou e ficou satisfeita com tudo o que aconteceu.

Lisbon Blinner Blog Meeting
Os sorteios durante o jantar! Ah, a loiraça mais gira é a Joana Sousa, a nossa fotógrafa-maravilha!

Como eventos de bloggers não o são sem goodies dos bons para trazer para casa, experimentar e divulgar, toda a gente levou para casa um saco recheadíssimo (e mega pesado, imaginem quem foram as quatro malucas que alombaram com eles até ao carro, e do carro para o restaurante…), para além de um prémio aleatório atribuído por sorteio. Durante o jantar, também tivemos direito a massagens de mãos oferecidas pela Lush e pudemos brincar com algumas máquinas instantâneas da Fujifilm. Espero que tenha correspondido às expectativas!

Lisbon Blinner Blog Meeting
A sobremesa especial feita pela Valorfúchsia.

Deixo-vos abaixo uma lista dos blogs participantes nesta edição do Lisbon Blinner e uma lista das marcas que tão amavelmente colaboraram connosco. Muito obrigada, do fundo do coração!

Lisbon Blinner Blog Meeting
Na converseta com a Maria Inês (Mantinha de Retalhos) e com a Tânia Argent (Makeup Pt).

Em breve, no que depender de nós, haverá uma nova edição. Não fiquem já ansiosas, que a seu tempo divulgarei tudo. Até lá, contem com umas quantas reviews de novidades recebidas durante o jantar.

Blogs

Coquette à Portuguesa | Joana Arêde Cotovio Makeup Artist | Makeup Lover | Mantinha de Retalhos | Chocopink | Fabiana Words | Vinte e Três | Makeup Pt | Making Up Colours | Drawing Dreaming | Love Your Style | O Blog da Susy | White Cat Under the Sun | Eighteen and a Life | Let´s Talk About Beauty | Beauty Magpie | V’Blogue | The Unknown Pearly Girl | Nobre Sonho | Unique by Gi | Beauty Roots | Luxurious Skin | Cheap Friday | Neuza Mariano | Sara Lima Makeup Artist | The Paper and Ink | Carla Cunha Makeup Artist | My Fashion Choices | JS Photography | With Love from B. | O Armário da Beatriz | Best Curvy Fashion | Luana Davis | Vanessa Makes | Diary of Fashion 

Marcas

ValorFuchsia | Ach Brito | Revlon Portugal MakeUp | FunMacia | Cheyenne | Essie Portugal | Argent Makeup | Bell Cosmetics Portugal | Lush Portugal Boom Bap | Corine de Farme Portugal | Kitchen Makeup Boutique | Bioderma Portugal | Magia Pura | MI Vintage Hairstylist | Cosmopolitan Portugal | Makeup Pt Loja | The Secret Bag | Spartoo | JS Photography | Joana Arêde Cotovio Make Up | Fujifilm

Lisbon Blinner Blog Meeting

O Chinês Clandestino

Hoje têm direito a um dos posts mais surreais deste blogue. E têm de ficar informad@s desde já que escusam de pedir pormenores sobre a localização deste brilhante sítio de que vos vou falar porque, como devem imaginar, ainda quero ir lá comer algumas vezes antes que alguém decida fechar o estaminé e mandar os senhores chineses de regresso para a China.

Na blogosfera mais próxima até já se riem de mim cada vez que falo no chinês clandestino, mas já começam a haver testemunhas de que não vale a pena ter preconceitos, porque quando se experimenta visitar o sítio, quer-se sempre regressar.

O chinês clandestino, como é conhecido, é uma espécie de restaurante que funciona num apartamento onde moram mesmo pessoas. Fica algures na velha Lisboa, no Martim Moniz, num prédio velho. As mesas são pegajosas. As cadeiras são pegajosas. Tudo é pegajoso. Mas o ambiente é muito bom, porque quem nos atende são pessoas infinitamente simpáticas e o mais provável é termos de dividir a mesa com outros clientes que vão surgindo.

Para o jantar? Bom, têm duas páginas com uma listagem enorme de pratos que podem pedir. As doses são enormes e muito baratas. Não idealizem o menu, porque garanto que a comida lá não tem nada a ver com a que costumamos encontrar em restaurantes chineses. É lá que como o melhor arroz xau-xau de sempre (que é castanho!), o melhor chao min, entre outras coisas. A galinha com amêndoas não tem nada a ver com a que é apresentada nos outros chineses. Catrapisquei fotos do arroz e da galinha à Beatriz para vos mostrar.

Sim, da primeira vez que vamos lá temos medo de já não sair. Asneiras. Até posso não saber muito bem o que tenho no prato, mas ainda estou viva e a comida é tão, tão, tão boa!

Chinês que é chinês é atencioso, por isso gosto do detalhe de oferecerem sempre os aperitivos, o chá e a laranja à sobremesa.

Quem mais já lá foi?

Chinês Clandestino Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Lisbon Blinner

Lisbon Blinner

Eu sei, sou uma vergonha, o jantar de blogues de moda e beleza de Lisboa – Lisbon Blinner – já se realizou há uma semana e eu nem vim cá dar sinais de tal evento. Foi no restaurante Puro Acaso, em Alcântara, e foi tão bom que é para repetir. Deu para rever caras conhecidas, para conhecer pessoas novas, houve muita diversão, boa comida e presentes para todas (e lambonices para algumas, mas vamos lá esquecer essa parte).

Lisbon Blinner

Tenho de dizer que a Patrícia do Juicy Glambition está de parabéns pela brilhante organização deste agradável momento de convívio.

Lisbon Blinner

Podia deixar aqui os links de todas as participantes, mas como infelizmente não fui capaz de memorizar toda a gente, prefiro que se sintam todas à vontade para deixar os links dos blogues nos comentários e dizerem algo do tipo “sou a Maria Joaquina que estava de camisola às riscas na ponta da mesa, sentada ao lado da Carlota Andreia do vestido azul”. Algo assim, que a minha memória há-de chegar lá!

Lisbon Blinner

Lisbon Blinner

Lisbon Blinner

Lisbon Blinner

Lisbon Blinner

Muito obrigada a todas pela óptima noite!

P.S. – Fui tirar as fotos ao álbum que está na página do Juicy Glambition, acusem-se para deixar os devidos créditos nas fotografias! Nas fotografias que estou a par com mais alguém, cliquem em cima que vão dar ao blogue da pessoa que está comigo.