Etiqueta: Oriflame

Medalha de Bronze nº 7 – Protecção Solar de Rosto

protector solar rosto

Aproveitemos enquanto o Verão ainda nem começou para continuar esta troca de ideias sobre produtos especiais de corrida para o sol. Medalhas de Bronze? Está aberta a temporada! Hoje falamos do rosto e decidi reunir aqueles de que gosto mais.

Quant@s de vós estão insatisfeit@s com o protector solar que usam no rosto?

Ora é oleoso, ora diz que hidrata mas não hidrata, ora… Já não sabemos quando ou como usar, não é?

Pessoalmente, tenho três que adoro e por isso venho falar-vos deles, porque todos eles têm a sua utilidade na minha vida, embora os utilize em circunstâncias diferentes:

  • Fotoprotector Fluido Fusion Water FPS50+, Isdin – Este protector é perfeito. Posso utilizar o meu hidratante habitual por baixo. Posso usar maquilhagem por cima. Não é nada de mais em termos de fragrância, é absorvido muito rapidamente, não gera qualquer incómodo e não interfere com a aplicação de outros produtos. Não fica oleoso durante o dia. Pessoas com pele oleosa: este é o vosso protector solar de rosto!

  • Protector Solar SPF 50 gel-creme para peles oleosas, Youth Lab – Já falei dele aqui, porque é um dos meus produtos cosméticos favoritos. Vamos supor agora que têm pele mista/oleosa, até têm um tom clarinho e/ou querem um produto versátil que dispense o uso de hidratante e de uma tintinha por cima. É este o vosso produto tudo em um. É como se fosse um bb cream, com pouca (mas suficiente, pelo menos para mim) cobertura, dos bons. Chega perfeitamente no dia-a-dia!
  • Creme Protector com FPS 50 UVA/PA++++ Advanced NovAge, Oriflame – Foi o que experimentei mais recentemente, há coisa de dois meses. Não tem cor, também não o consigo utilizar como o Fluid Water – este é o tipo de protector que as peles mais secas irão gostar, ou então quem, como eu, tem dias daqueles em que não quer cor e há uma preguiça brutal para aplicar hidratante, mais protector e tudo mais, e ainda ter de reaplicar porque o sol se faz forte (por exemplo, na praia ou piscina). Este é o protector que anda na minha necessaire!

Espero ter ajudado na busca pelo protector solar de rosto para este ano.

medalha de bronze

Viagem Olfactiva

voyager

Para quem reside em Portugal Continental, creio que é unânime a opinião de que estamos a ter um ano terrível no que toca às condições climatéricas. Não posso queixar-me muito, que andei ao contrário do mau tempo, mas a verdade é que passámos do Inverno para um Verão muito tímido e agora, que estamos quase no Outono, parece que chegou a Primavera.

Na minha opinião, há perfumes que condizem com as estações do ano e o eau de toilette Voyager Woman da Oriflame é um deles. Chegou às minhas mãos no auge de Agosto, mas agora é que é tempo de o usar. É uma fragrância floral frutada, fresca, mas sem picar o nariz. É delicada, mas com aquele cheirinho a conforto quente e doce no meio das suas notas: no topo, temos frutas como a goiaba, a carambola e a lima; o corpo tem flores de laranjeira, jasmim e rosa; na base, encontramos âmbar, musk e notas amadeiradas. Sabem do que falo?

Creio que é uma fragrância fácil de agradar à maior parte das mulheres, tanto às mais novas como às mais crescidas. É, nitidamente, um perfume de dia, fácil de usar e com fixação bastante razoável. Conhecê-lo foi uma surpresa agradável, especialmente tendo em conta que é um perfume acessível (50ml/29€ sem promoções), e estou a adorar usá-lo.

Rotina de Verão #1

Tal como prometido, partilho convosco a rotina de utilização de cosméticos que funcionou comigo em tempo de férias. Vai ter de ser em duas partes, que tenho muito para dizer. Na primeira parte, vou falar um pouco dos produtos que utilizei para o cabelo e para o corpo. No próximo post, falarei dos produtos de rosto e da protecção solar.

Há que salientar que saí de Lisboa carregada de tralha e que nem tudo o que utilizei se revelou eficaz, houve estratégias que tiveram de ser repensadas muito rapidamente e o conteúdo deste post foi o que, efectivamente, utilizei e que me encheu as medidas.

Não acho descabido publicar esta espécie de review extensa em Setembro. Não só porque o Verão ainda decorre e há muita gente que está ou há-de ir de férias, mas também porque muitos destes produtos podem ser (ou serão mesmo) utilizados durante o resto do ano.

veraocabelo

A rotina dos cabelos foi aquela onde mais arrisquei. Sol, praia e água da rede super calcária são grandes inimigos da saúde capilar. Tenham em conta que o meu cabelo é super espesso, denso, seco e frisado, para além de o pintar com alguma frequência.

1. O champô escolhido para a temporada de praia foi o Ultra Suave Solar com Óleo de Monoi e Neroli, que é uma novidade no mercado e que não me desiludiu. Era o único produto que desconhecia totalmente deste grupo. Foi utilizado e aprovado por toda a família. Limpa o couro cabeludo sem ser agressivo e os cabelos ficam super macios, leves e bem cheirosos, sem ressecar. Não é muito consistente, embora produza muita espuma. É fácil de espalhar e enxaguar.

2. Esqueci-me de levar comigo quaisquer máscaras ou condicionadores e dentro da oferta disponível nos supermercados locais, optei pela máscara Adeus Danos da Fructis. Já sabem que tenho aversão aos champôs da marca, mas as máscaras, séruns e espumas têm sido uma agradável surpresa. Não tinha experimentado esta anteriormente, mas já conhecia outros produtos da mesma linha nos quais confio. É consistente e eficaz, super hidratante mas sem deixar o cabelo pegajoso. Um boião de 400ml custou cerca de 5€, utilizei o produto em todas as lavagens de cabelo, não recorri a condicionadores e ao final de mais de um mês ainda estou longe de ver o fundo da embalagem. É melhor, a milhas, que muitas máscaras de marcas profissionais.

3. Que disse eu de confiar na linha Adeus Danos da Fructis? Em equipa que ganha, não se mexe, e hei-de comprar e recomprar o sérum SOS Repair. É fluido, quase como um óleo, não pesa e a verdade é que deixa as pontas do cabelo bonitas, hidratadas e brilhantes. Com ar de cabelo novo, sabem? Do que há no supermercado, baratinho, este é dos melhores séruns, para mim.

4. Quem tem cabelo espesso, seco e encaracolado sabe que hidratar nunca é de mais, mesmo, mas que é preciso ter cuidado com os produtos que utilizamos depois da lavagem sob pena de o resultado ser uma mixórdia pesada e pegajosa. Privei-me de espumas e outros produtos muito elaborados, mas o leave-in é sempre essencial para uma caracoleta bonita e de aspecto saudável. Apostei no Nativa Spa Frutoterapia Ultra Hidratante Monoi e Argão, após o duche à noite, que é dos melhores produtos do género que já conheci para deixar os caracóis bem definidos mas soltos e leves (já para não falar no cheirinho delicioso). Durante o dia, por causa do sol (e por considerar que não seria de mais reforçar a hidratação), optei sempre por aplicar o Golden Plus Termoactivado, que já era um favorito da época balnear anterior e que mesmo sendo consistente e hidratante não pesa no cabelo depois de seco e ainda protege do sol e de outros agentes nocivos. Ambos os produtos são d’O Boticário.

veraocorpo

A questão dos produtos de duche é um pouco irrelevante e a escolha dos géis e sabonetes foi quase aleatória dentro de tudo o que consigo utilizar sem reacções alérgicas. Interessa a hidratação, e nesse aspecto tive uma super equipa comigo.

1. Ainda no duche, antes de sair, contei com o óleo Nativa Spa Monoi e Argão d’O Boticário. Tem truque, é para aplicar na pele molhada (e há quem passe por água, mesmo assim) porque é muito denso e hidratante. Só por si, já é um grande passo na hidratação corporal e… Confesso, nos dias de preguiça foi suficiente para que não ficasse a parecer um deserto em forma de gente. Não se atrevam a aplicá-lo na pele seca, que não será absorvido e ficam eternamente pegajosas.

2. Para não haver oportunidade de a pele das pernas começar a descamar (habitual por estas bandas), precisei mesmo de um produto que me garantisse toda a hidratação de que a minha pele necessita. Sou alérgica ao sol, como sabem, pelo que nesta época evito produtos com fragrâncias e outros aditivos irritantes que possam ajudar a criar situações desagradáveis. Contei com o Lipikar Lait da La Roche-Posay que é super consistente e hidratante, mas ainda assim fácil e agradável de utilizar. Rende imenso, para compensar o facto de não ser dos hidratantes mais baratos.

3. Apesar de o Lipikar Lait ser mais do que suficiente, eu ainda quero mais consistência nos primeiros dias de praia. Sou muito cautelosa, utilizo protector solar, mas quero mesmo assegurar-me que estou bem hidratada. O Bálsamo Intensivo Pós-solar da Oriflame é daqueles que se assemelha mesmo a uma manteiga, há quem considere um martírio utilizá-lo por ser mesmo muito, muito rico, mas garanto-vos que não há melhor para as áreas do nosso corpo que têm tendência a ficar mais secas e desidratadas. Acabei por utilizá-lo muito, também, nas maçãs do rosto, que sofrem sempre nesta temporada de sol e calor.

4. A loção Sesame Suntan da Lush é um bónus que recebi a tempo de testar nas férias e que adorei. É um capricho. A marca considera que é um protector solar, mas… Tem FPS 10! Big no no, mas como loção corporal naqueles dias em que saía do duche e ainda vinha para a rua com algum sol ao fim da tarde, foi um prazer utilizá-la. É muito fluida mas bastante hidratante e cheira a… Bom, cheira-me a manteiga de amendoim (óleo de sésamo, diz a Lush) e dá vontade de a comer. Sim, tive os meus receios que pudesse haver alguma alergia demoníaca, mas consta que a fragrância era mesmo a natural do óleo de sésamo e, à data, nunca tive problemas com este nem com nenhum dos restantes ingredientes (que podem conferir aqui) que compõem o produto.

Não se esqueçam, a seguir sairá um post com o resto desta rotina maravilhosa que não me deixou ficar mal, mesmo fora da minha zona de conforto.

30 Dias de Desafio de Beleza – Dia 21 – O teu batom preferido[:en]30 Day Beauty Challenge – Day 21 – Your Favorite Lipstick

Só me tramo com questões complicadas. Lembram-se deste post? Então, imaginem a dificuldade de escolher um batom preferido, especialmente quando a colecção não pára de crescer. Posso escolher os que mais uso de momento, agora no Verão e a assemelhar-me a um conguito?

batons2

  • Oriflame Lip Attraction Pencil na cor Vibrant Pink – Por ser de aplicação mais fácil que o meu amado Stargazer rosa txanã e andar perdido na caixa dos batons, veio comigo de férias e não descanso enquanto não o gastar. É lindo e condiz tanto com o bronze da praia!
  • Stargazer 115 – O lilás lindo, mais lindo da minha vida. Nestes dias, tem ido diluído por cima do bálsamo labial, daí não se mostrar tão pigmentado e opaco como costuma ser.
  • NYX Echo – Um hino à boca apagada! Com olhos carregados, é charmoso e faz a festa.
  • NYX Femme – Vermelho alaranjado, fácil de usar, super cremoso. A cara do Verão, pois claro!
  • NYX Power – O conhecidíssimo duplo do MAC Snob. Não é tão frio nem tão lilás como o Stargazer 115, eu é que não atinei com a máquina. Há mais de dois anos que faz parte da minha lista de favoritos.
  • Make B Hidralip Rosa Neon – Também já estão fartinh@s de me ouvir falar dele e que até já vou no segundo batom. É que é tão bonitinho e tão fácil de usar que é um crime não gostar dele.

Também querem participar no desafio? Regras aqui.

[:en]

batons2

Oops, hard one. So, remember THIS POST? This way it is hard to pick only one favorite lipstick. May I choose a few ones I wearing the most this summer?

  • Oriflame Lip Attraction Pencil in Vibrant Pink – It is easier to apply than my super pretty Stargazer pink lipstick and it was lost in my box, which is why I brought it with my these holidays and I will not rest until I finish this beauty. It is awesome and matches my tanned skin.
  • Stargazer 115 – The prettiest lilac of my life. I have been wearing it a bit faded over some lip balm these days, that is why it is not appearing so pigmented and opaque as usual.
  • NYX Echo – Say yes to erased mouths! It is so pretty to use when I wear heavy eye makeup!
  • NYX Femme – Orange-red, easy to use, super creamy. It looks like summer, of course.
  • NYX Power – Yep, the famous MAC Snob dupe. It is not as cold or as lilac as Stargazer 115, it is just me messing with the camera. It has been on my favorites list for more than two years.
  • O Boticário Make B Hidralip Rosa Neon – This one is not new for you all as well, I talk about it a lot and I am actually on my second tube. It is so pretty and easy to use that it is a crime not to like him.

Want to take part of the challenge? Check the rules here.

Relíquias

maquilhagem vintage

Tod@s nós sabemos que (quase) tudo nesta vida tem um prazo de validade após o qual não vale mais a pena consumir o que quer que seja.

Isso inclui a maquilhagem, como é lógico e toda a gente sabe.

Cada vez mais, somos avisad@s sobre tudo e mais alguma coisa que nem sonhamos que existe acerca da utilização dos nossos cosméticos, e se antes nem sequer as fórmulas eram pensadas de forma a não prejudicar a nossa saúde, hoje temos ao nosso dispor uma panóplia de coisas adequadas aos gostos e necessidades de cada pessoa:

  • Ele é oil free, ele é mate, ele é hidratante, já temos maquilhagem que para além de disfarçar imperfeições actua na prevenção do aparecimento das mesmas, maquilhagem que se adapta ao nosso tom de pele, mil e um acabamentos diferentes, e por aí fora. Já temos falado disso cá no blog.

Com isto, acabamos por acumular muitos produtos nas nossas gavetas, porque queremos sempre experimentar o que é novo. Quando não é isso, é a mudança de gostos e interesses, ou mesmo o esquecimento.

Depois, quando nos lembramos de determinada relíquia, já ela não pode ser usada porque expirou o seu tempo útil. Por esta hora, estaríamos a encher sacos de tralha para descartar.

Mas, e o sentimento de culpa?

Eu falo por mim! Eu arrecado tudo o que me chega às mãos e sou incapaz de deitar fora o que quer que seja. Com o tempo, há uma série de coisas que ganha um determinado valor, histórico ou sentimental, e não há forma de pôr isso de lado e deitar tudo para o lixo.

Alguma vez me passa pela cabeça deitar fora o batom roxo e os lápis body art Mary Quant que eram da minha mãe? Ou os batons vermelhos Revlon antiquíssimos, com embalagens lindas, que eram da minha avó? Nem os produtos de catálogo sou capaz de mandar fora!

Há-de aparecer alguém a dizer que estou a atentar contra a minha saúde, mas a verdade é que, por graça, ainda uso um ou outro produto esporadicamente. Nenhum me fez mal à pele, por isso não me afasto deles. Honestamente, quem é que respeita os prazos de validade dos produtos?

Se pensarmos que não é época de esbanjar dinheiro, ninguém. Tod@s gostamos de aproveitar ao máximo aquilo que temos em casa. Mesmo que um dia veja que alguma destas coisas já não tem mais uso, guardo para recordação.

Se podia fazer uma grande limpeza e nunca mais ter tralhedo antigo a empatar o (pouco) espaço a que tenho direito? Podia, mas não era a mesma coisa!

Experimentar à Altura da Crise

maquilhagem-barata

Hoje foi dia de levantar uma encomenda e de ir dar uma volta ao shopping.

Como ida ao shopping que é ida ao shopping exige uma investigação do interior das lojas para que estejamos a par do que se passa pelo mundo das compras e das modas, não podia deixar de ir vasculhar a parafarmácia do Continente, que já andava a namorar há algum tempo. Estava larga de trocos, e decidi fazer um “investimento experimental”. Deixo-vos aqui a lista do que comprei (e já testei!).

  1. Face Primer da Oriflame (8,95€) – Não é péssimo, mas já experimentei melhores. O da Sephora, por exemplo, parece-me uma boa alternativa e não é assim *tão* caro. No entanto, este primer usa-se. Vamos ver como é que se comporta no Verão.
  2. Blush mineral da Essence no tom 04 Best Friends (3,69€) – Surpresa! Quem é que diz que não há boa maquilhagem ao preço da uva mijona? Amei o tom e o bicho é fácil de aplicar, e fica no sítio por muito tempo! Apliquei-o à hora de almoço, já andei mundos e fundos na rua e o blush continua no sítio.
  3. Base Soft Touch Mousse Make-up da Essence no tom 01 Matt Sand (3,99€) – Outra surpresa! Alguém já usou a base Dream Matte Mousse da Maybelline? Penso que não preciso de dizer mais nada.
  4. Rímel Wonder Lash da Oriflame na cor Black (6,95€) – Por preços mais baixos, já vi muitas opções melhores. O rímel da Eyeko ou um outro da Yves Rocher que comprei há uns tempos, são muito melhores e mais baratos. No entanto, este rímel serve para desenrascar. Provavelmente, ainda está muito fluído para que se veja o efeito apregoado na embalagem. Acontece com vários!
  5. Corrector 3 em 1 Forget it! da Essence (3,29€) – Bem, serve para trazer na bolsa connosco e desenrasca bem. Mas não é espectacular!
  6. Pó Compacto Silk Touch da Oriflame no tom Light (11€) – Bingo! Quando olhei para a cor do pó, tive medo que quando o aplicasse fosse ficar com cara de fantasma. Nem por isso! Conhecem o Blot Powder Pressed da M.A.C.?

Agora, vamos à parte mais interessante deste post.

Aposto que a maior parte de vós nunca ouviu falar da Essence!

E eu também só a descobri há pouco tempo, por acaso, na parafarmácia. E fiquei chocada com a variedade e com os preços dos produtos da marca! É tudo super barato, e em tempo de crise temos que saber virar-nos: não custa nada ir experimentando aos poucos, e olhem que fiquei bem satisfeita com o que trouxe!

Dêem também uma vista de olhos, a marca tem de tudo: primers, correctores, sombras, rímeis, batons, vernizes, pinceis, lápis, cremes, tónicos e essas coisas todas que a gente gosta! E com embalagens bem bonitas!

Dizia eu que em Portugal não há bons cosméticos a preços bem amigos…