Posts Tagged ‘Esfoliante’

Sugestões de S. Valentim #1 – Lush

Fevereiro é, por predefinição, o mês do amor. No próximo dia 14, celebra-se o Dia de São Valentim, também conhecido por Dia dos Namorados. Uma das questões que surge para quem liga a datas comemorativas é o que oferecer.

Tão complicado é para eles como para elas, mas creio que posso dar uma ajudinha a quem pretende oferecer um presente a uma donzela e não sabe para onde se virar. Ontem comecei oferecer um vale de 100€ para gastar numa loja online, podem concorrer neste post. Agora, resta-me sugerir coisas boas e bonitas. Comecemos por vislumbrar as propostas da Lush que chegaram às minhas mãos por estes dias.

Lush São Valentim Valentines

Mesmo que não houvesse uma edição limitada destinada a esta data, seria muito fácil escolher um monte de coisas boas que qualquer namorada (ou namorado, que também há artigos para homem!) gosta com toda a certeza.

Mas, mesmo assim, a Lush decidiu ser especial. De entre vários produtos especiais, destaco os da imagem:

  • A espuma de banho Unicorn Horn, que contém óleo de lavanda e neroli para ajudar a relaxar e melhorar o humor.
  • O gel de duche Prince Charming, que contém sumo de romã, óleo de toranja, raiz de malvaísco, vagens de baunilha e manteiga de cacau. É calmante mas, em simultâneo, dá aquele toque de frescura e limpeza que pretendemos quando tomamos duche, mas sem deixar a pele a repuxar.
  • O esfoliante de lábios The Kiss. Se ainda não conhecem os esfoliantes de lábios da Lush, deviam, porque são milagrosos e… Deliciosos. Ups. Contém sal fino, açúcar, manteiga de cacau, óleo de amêndoa e mandarina, bem como corações comestíveis. É esfregar nos lábios com o dedo e saborear!
  • O bálsamo de lábios The Kiss, com manteiga de karité, óleos de melancia-do-mato e de ilipê orgânico, xarope de agave e jojoba orgânica. Brilho e hidratação com um ligeiro toque de cor.

Vale a pena dizer que muitos dos ingredientes destes produtos são provenientes do Comércio Justo e que todos eles são desprovidos de ingredientes potencialmente perigosos para o organismo. Caso necessitem de mais informações sobre os produtos ou como os encontrar, é só clicar nas imagens abaixo!

In Beauty 2015 – O Rescaldo

Chegou ao fim mais uma edição da In Beauty, uma das feiras de beleza de grande relevo que temos no nosso país. Foram 3 dias (3 a 5 de Outubro) em que, na Meo Arena, houve muitas promoções e demonstrações de novidades no campo da estética e beleza. Na minha opinião, tem havido melhorias de ano para ano e é maior a oferta, a credibilidade deste tipo de eventos e também as boas oportunidades têm aumentado. Ainda assim, continua a ser algo muito voltado para os profissionais e com um grande foco nas unhas e no cabelo, ficando o domínio da maquilhagem na penumbra.

Já começo a ter uma ideia dos stands presentes nestas iniciativas e dos produtos que quero comprar, porque têm preços muito apelativos e compensam bastante. Quando falo (eu e outras bloggers!) em produtos que não se encontram com tanta facilidade nas grandes superfícies e perfumarias, aqui têm: na maior parte dos casos, são de lojas especializadas e estão muitas vezes presentes nas feiras (Expocosmética/InBeauty) que acontecem uma ou duas vezes por ano.

inbeauty

Posto isto, fiz a minha lista para não me perder, e a verdade é que, desta feita, acabei por nem sequer ver a feira toda. Visitei o que me interessava, cumprimentei parceiros do blog, comprei só o que queria (e o que não planeava comprar a curto prazo, mas valia a pena!) e por aí fiquei.

Queria repor o meu stock de vernizes especiais da Kinetics, mas a marca não esteve presente nesta edição. Comprei tintas de cabelo – uso as da Farmavitta, à venda na Pluricosmética, que estão sempre baratíssimas nestas feiras por aproximação do fim da validade; duas escovas de cabelo, também na Pluri; e o Tratamento Selante Pré-Escova Blindagem Capilar da Novex na banca de um dos seus clientes (ainda não usei, mas tenho ouvido maravilhas sobre ele!).

No stand da Hair & Body, havia promoções fantásticas no champô e máscara que utilizo habitualmente da Real Natura (tudo abaixo dos 5€). Contudo, não me pareceu muito sensato carregar com garrafões de 5l de champô e máscaras de 1kg, sendo que o regresso a casa ainda iria tardar e, de qualquer forma, a loja costuma ter promoções que, não sendo tão boas, também são muito jeitosas.

Vim de lá mimada com mais umas poucas coisas: à entrada, foi-me oferecido um pequeno kit com gomas (que já marcharam!), um hidratante corporal (que já ofereci) e três vernizes Inocos. A Andreia oferecia um kit com 2 vernizes da sua colecção Grey’s Attraction e três vernizes 14Ever (já os tinha, pelo que estes últimos são para vocês). A Nativa do Brasil encheu-me de mimos: um gel-duche de litro, um sabonete esfoliante, um creme para os pés e um hidratante corporal. Da Pluricosmética, ainda trouxe um montão de amostras.

No total, gastei cerca de 20€. No fim das contas, o saldo foi bastante positivo! Com calma, vou falar de tudo o que vos mostrei.

Já cheira a férias!

pitaya

E cheira mesmo bem, se me permitem que vos diga. Não é novidade para ninguém, mas para mim só faz sentido trazer a pitaya à baila agora. É que, minhas amigas e meus amigos, custa muito passar o Inverno com as férias de Agosto entaladas no nariz e a linha Nativa Spa Pitaya d’O Boticário só me lembra isso mesmo: o cheiro da frutaria do sítio onde passo férias, logo pela manhã. É tortura!

Sinceramente, a pitaya é um fruto que não me diz muito. Ou as que provei não eram as melhores, ou há frutas mais cheirosas e gostosas (como as que me surgem na cabeça quando cheiro estes produtos todos). Seja como for, agora que chega o calor e que se aproximam as tão aguardadas férias, esta linha cai que nem ginjas… Erm… Pitayas.

pitaya1

Em primeiro lugar, já se sabe que tudo o que vem de uma loja O Boticário cheira bem por eternidades. Depois, não fossem já as texturas algo para lá de agradável, a Pitaya saiu refinada. O creme de mãos é “normal”, não é nada diferente do que é habitual, à excepção do facto de ter FPS. Já se sabe que este é um aspecto muitas vezes ignorado, e a verdade é que não nos podemos esquecer que as mãos também precisam de protecção solar.

O Açúcar Esfoliante Exótico tem características que, para mim, até há pouco tempo eram coisa rara e difícil de encontrar: em termos de efeito, faz o expectável para um produto deste tipo, mas sem ser demasiado agressivo. Apetece comer à colher, como se vê na imagem. Faz todo o sentido de acordo com o nome, tem grãos de açúcar. Quando aplicamos e massajamos o esfoliante no corpo, no duche, ele vai-se “derretendo” e deixa a pele lisinha mas, ao mesmo tempo, hidratada.

A Espuma de Banho Exótica tem um formato interessante: lembra as espumas de barbear. Para mim, tem o seu quê de decepção porque não faz assim tanta espuma. Mas não faz mal, porque é engraçado utilizá-la na mesma, e apesar de a espuma ser consistente, não deixa a pele a repuxar.

O Souflé Hidratante Exótico é tal e qual como indica o nome. É um hidratante corporal que parece um souflé. É super leve, a textura é inusitada e os efeitos são os do costume. Bons, portanto!

Escusado será dizer que se, por um lado, fico animada quando uso esta linha porque me lembro da proximidade das férias, por outro, lembro-me que ainda tenho toda uma época de exames pela frente. E custa, custa muito, mas tem de haver motivação. Já cheira a férias!

Framboesa e pele à mostra?

tbsraspberry

Quem diz que a frutinha é boa só para comer, deve estar enganado. Aqui entre nós, há frutas que são boas para a nossa pele, como a framboesa. O quê? Não estão a perceber? Estou a falar do Early Harvest Raspberry Body Scrub da The Body Shop. Não é o único esfoliante corporal da marca que se assemelha a paparotes ou compota, mas para mim é o mais delicioso. De se utilizar sem comer, claro está, não caiam no engano de barrar esta compota no pão e mantenham-na longe dos mais pequenos.

Aqui me confesso, e sei que não sou a única: negligencio a esfoliação corporal quando a roupa tapa tudo da cabeça aos pés. Chega agora a altura em que se torna imperativo pôr em dia este ritual, e nos primeiros tempos dou preferência a esfoliantes com partículas maiores e mais consistentes que removam o que não foi cuidado durante meses (que vergonha, eu sei). É o caso deste esfoliante de framboesa, deixa mesmo a pele limpa e lisa, desprovida de grande hidratação mas pronta para o resto dos cuidados.

O difícil é resistir à tentação de não comer um bocadinho…

Esfoliante Sem Esfoliante

facialbuffer

Desvalorizo mais do que devia a esfoliação do rosto. Não na frequência da prática do ritual em si, mas na escolha dos produtos. Não sou nabiça, ou até devo ser por não nutrir grande interesse por este calibre de produto. Até já vos perguntei qual é o vosso esfoliante de eleição, porque oiço grandes debates em torno desta temática e deve haver algo que estou a perder.

Uma ou duas vezes por semana, recorro ao esfoliante facial que tiver à mão e não sou difícil de contentar, basta-me que as peles mortas evidentes desapareçam e que o produto não seja agressivo. É só isso que peço, e muitas vezes fico desiludida com produtos que não fazem nem uma coisa nem outra.

Há tempo suficiente para já ter experimentado e ficar feliz da vida, chegou cá a casa uma Facial Buffer Sponge. O que aparenta ser uma simples esponja branca é, na verdade, o melhor esfoliante físico que já experimentei até agora. Humedece-se, junta-se (ou não, se não quisermos) o nosso produto de limpeza de rosto habitual e esfrega-se no rosto com a pressão que desejarmos/necessitarmos. Depois, é só lavar, deixar secar e guardar. Isto significa que é versátil e nunca há-de deixar ninguém com ar de quem se esfolou numa pedra pomes, que é super portátil (não ocupa espaço nenhum, não se derrama nem pesa nada) e que, basicamente, temos um esfoliante (quase) infinito. Há como não adorar?

Medalha de Bronze Nº 4 – Caudalíe Jambes Divines & companhia

caudaliemedalha

Este ano, a distribuição das Medalhas de Bronze começa cedo. Não só de sol a mais e Verão se faz o bronze, já o tenho dito, e já que a Primavera vem tímida mas em grande força, há que aproveitar dias como hoje para começar a deixar de lado todos os agasalhos pesados e camuflagens do Inverno.

O mal da maior parte das pessoas tem solução e é a Medalha de Bronze de hoje. Nós bem queremos andar de perna ao léu mas, ups, parecemos umas lulas. A loção hidratante Jambes Divines da Caudalíe foi uma ajuda boa no ano passado, e este ano tenho-a novamente como aliada. É uma loção não pegajosa que confere um ligeiro tom bronzeado às pernas, natural, mas que funciona e faz a diferença. Sai no banho, mas não se preocupem, que à excepção dos dias de calor extremo, não mancha a roupa. O cheiro é bastante agradável, contrariamente à maior parte dos produtos deste género.

Como a questão da esfoliação e hidratação são muito importantes, achei por bem não deixar as Jambes Divines sozinhas e trazer para este post os seus companheiros: o Gommage Divin, que é um esfoliante corporal eficaz sem ser demasiado agressivo (é açúcarado, é dos bons!) e a Huile Divine, que é um óleo hidratante super versátil, podendo ser utilizado no corpo e nos cabelos. Já que o cheiro a Caudalíe é divino (quem cheirou, sabe do que falo), por que não completar com a Bougie Divine a aromatizar a casa?

Terapia Capilar

pre_shampoo_boti

Desengane-se quem pensa que o cabelo, ou melhor, o couro cabeludo não precisa tratamentos específicos. Quem pensa assim, felizmente, será porque nunca teve problemas de maior como oleosidade, eczema, psoríase, caspa e tantos outros transtornos que poderiam vir à baila.

Quando chega o tempo frio, a estas bandas chega também a psoríase. Não devo ser caso único, a avaliar pela quantidade de emails, mensagens e comentários que recebo sobre o assunto que recebo nesta altura. Durante a maior parte do tempo, tenho de substituir o champô por sabonete de alcatrão, que ajuda imenso a melhorar as crises. Contudo, mesmo quando consigo atenuar as feridas e vermelhidões, continuo a ter de lidar com o drama da descamação da pele.

Há cerca de um ano (eu sei, já devia ter partilhado esta informação mas… Mais vale tarde que nunca!), descobri que há esfoliantes para o nosso cabelo/couro cabeludo. Fiquei curiosa e, ao mesmo tempo, receosa, porque produtos desse tipo têm todo o potencial para serem agressivos. Eis que tive a oportunidade de experimentar o Pré Shampoo Purificante Argila da linha Nativa Spa Terapias d’O Boticário, e fiquei rendida. No Verão, andou esquecido, e agora voltei a precisar dele.

Este pré champô é um produto que devemos utilizar uma ou duas vezes por semana, no cabelo húmido, antes de aplicar o champô habitual. Aplica-se massajando no couro cabeludo e deixa-se actuar por alguns minutos, enxagua-se, e prosseguimos com a nossa rotina de lavagem do cabelo. Diz a marca que quem mais beneficia das terapias da Argila são os cabelos oleosos, pelas propriedades purificantes. Eu diria que este produto é bastante mais versátil, porque consegue ser eficaz sem ser agressivo para o couro cabeludo e sem o ressecar.

Por isso, cá fica a deixa para quem sofre destes males dos eczemas e da psoríase (e em caso de dúvida, não se esqueçam que quem melhor sabe da nossa saúde é o médico): resolvam os problemas das vermelhidões/sensibilidade e/ou feridas e, quando tudo estiver mais “calmo” e houver peles mortas a descamar, ataquem com o Pré Shampoo Argila. Por aqui, tem sido milagroso!

Activar o potencial dos cuidados de rosto

De há uns dias para cá, O Boticário está com umas promoções catita no que toca à linha de cuidados de rosto Active. Os produtos são óptimos, e apesar de ainda não ter idade (nem pele) para poder experimentar nenhum dos hidratantes da linha, penso que qualquer pessoa, a qualquer idade, ganha muito em experimentar a espuma de limpeza, o tónico e o microesfoliante Active. A título de curiosidade, este trio maravilha custa 38,97€ 28,98€ até ao próximo dia 19.

Ó Guida, mas tu nunca falaste dessas coisas boas! Pois não, apercebi-me agora e estou aqui para me redimir. Deixem-me que vos diga que, sendo uma linha que está primariamente direccionada para as peles mais maduras, os produtos são óptimos para as peles mais sensíveis. Sei que o aroma dos produtos é relevante para muitas pessoas, pelo que não é de mais referir que todos os produtos da linha têm um aroma suave que, a meu ver, não é incomodativo.

Comecemos pela Mousse de Limpeza Purificante. Como o próprio nome indica, na nossa rotina de cuidados de rosto este vai ser o produto utilizado para a limpeza. Dentro do frasco, o produto é líquido. Quando o fazemos sair através da bomba, obtemos uma espuma super fofa que lava o rosto sem o agredir e sem retirar hidratação. Bastam duas ou três nozes aplicadas no rosto húmido, seguidas de uma boa enxaguadela. Vão ver que a pele fica limpa sem repuxar!

Uma ou duas vezes por semana, é importante que utilizemos um esfoliante para eliminar todas as células mortas que provocam envelhecimento precoce e impedem que a nossa pele respire devidamente. Gosto bastante do Microesfoliante Facial porque não provoca aquela sensação má de termos um gato a arranhar-nos a pele. As partículas do esfoliante são mesmo muito pequenas, o que faz com que haja a acção pretendida mas sem agredir a pele.

Por fim, há que falar do Tónico Facial. É importante referir que não tem álcool. Significa isto que para além de remover eventuais impurezas que ainda existam, também ajuda a nutrir a pele. Apesar de não ser adstringente, não deixa a pele suja nem oleosa. É um tónico dos bons!

É claro que é necessário completar os cuidados de rosto com um bom hidratante, e eles existem na linha Active – para peles maduras, acima dos 30 anos. Cada caso é um caso, e há quem defenda que a partir dos 25 anos devemos incidir na prevenção e tratamento do envelhecimento da pele. Existem hidratantes de dia, de noite e cuidados específicos para o contorno dos olhos nesta linha maravilhosa.

Caso sejam como a Guida e a vossa pele ainda não precise de medidas drásticas neste aspecto, vale a pena experimentar os hidratantes da linha Cuide-se Bem, abordados aqui.

Terça da Máscara #6

O tempo passa, novas pessoas chegam, os arquivos ficam à sombra e ficam perdidos alguns posts que podiam estar a ajudar quem lê a Guida. Por isso, vou re-postar algumas coisas das quais já falei no passado e que se encaixam perfeitamente nestas terças que a Guida dedica às máscaras.

***

Não venho dar lições de Química a ninguém! O que vos trago hoje é o bicarbonato de sódio e não, não vamos falar de cozinha. É claro que o bicarbonato de sódio pode ser utilizado em n coisas numa cozinha, mas cá em casa ele está guardado no armário da casa de banho!

Para as pessoas com acne ou manchas/cicatrizes na pele, garanto que não irão encontrar máscaras tão boas e tão baratas quanto esta! Por pouco mais de 0,50€, é possível obter umas poucas doses de limpeza de pele: basta misturar o bicarbonato de sódio com um pouquinho de água e mexer bem para que se forme uma pasta óptima para aplicar na pele lavada durante uns 10 a 20 minutos e retirar com água morninha! Que tal está a pele? Boa, volte a repetir o procedimento duas ou três vezes por semana e verá que as coisas feias que fazem as nossas caras parecer uma pizza desaparecem em menos de um fósforo!

No caso de sobrar um resto da pasta, não é preciso deitar fora. Pode sempre aproveitá-la numa lavagem de dentes: como o bicarbonato de sódio é um pouco abrasivo, tem um poder branqueador que já os nossos avós conheciam e que eu confirmo! Ficará com os dentes limpinhos, como se tivesse acabado de sair do dentista (não vale a pena contar com dentes tão brancos que até brilham no escuro, é claro que isso não vai acontecer nunca com o bicarbonato de sódio!).

Terça da Máscara #3

Se até os reclames falam da importância de comer fruta, por que não alimentar também a nossa pele? Não acredito que haja alguém capaz de resistir a morangos e, por isso, a máscara de hoje vem mesmo a calhar: a Strawberry Soufflé Masque da Montagne Jeunesse.

Na sua constituição existem: morangos – duh! – ricos em antioxidantes; Aloe vera, conhecido pelas propriedades calmantes e hidratantes; baunilha, para um conforto do outro mundo. É claro que nem preciso de dizer que só pelo cheirinho, esta máscara já proporciona uns bons 20 minutos no paraíso, não é? Mas, vá, queremos é ver o efeito na pele e na embalagem prometem pele limpa, tonificada e suave, e a verdade é que não fica nada aquém das expectativas. Pelo contrário!

A máscara é óptima obtemos os resultados prometidos com uma pinta que nem queiram saber. É um dois em um! Têm o efeito-máscara e têm o efeito-esfoliante, quando lavam a cara, pois a máscara tem algumas partículas que na hora de lavar a cara proporcionam uma esfoliação suave. Ao contrário do que se pudesse esperar, a pele não fica a repuxar nem sensível de mais, como acontece com algumas máscaras que prometem limpeza (ai, argila!) nem como com os esfoliantes.

E foi assim que descobri que os morangos nunca estão fora de época.

1 2