Um dos dilemas das mulheres que gostam de maquilhagem é encontrar bons pincéis e que estes tenham um preço acessível.
Enquanto pessoa que gosta de reciclar e fazer trabalhos de Artes Decorativas, sempre tive que comprar pincéis dos feitios mais variados ou aproveitar pincéis já existentes quando não encontrava nenhum com um formato específico que correspondesse ao que eu precisava. Acreditem ou não, posso dizer que passei horas a ver pincéis em papelarias e lojas especializadas no comércio de produtos para as Artes. Assim, consegui eleger aquelas que são para mim as melhores marcas de pincéis e consegui ver neles outra utilidade, até porque ao longo do tempo fui acumulando pincéis novos na minha mala (é uma mala relativamente grande!) e pensei que, com tão boa qualidade, davam bons pincéis de maquilhagem. E não me enganei! Nem pensem que vou gastar balúrdios em pincéis na Sephora e na M.A.C. quando consigo arranjar pincéis melhores e mais baratos! Nas lojas de Artes (até na Papelaria Fernandes encontram pincéis bons!), conseguem encontrar de tudo: os pincéis para os azulejos e porcelanas são muito suaves, há vassourinhas e pincéis óptimos para blush e outros pós; há pincéis com todas as formas possíveis e imaginárias para sombras e batons. Se não houver, por que não puxar pela cabeça e aproveitar um pincel que dê para cortar as cerdas da maneira que quisermos? Quanto a marcas, gosto da Tigre e de marcas semelhantes (mas mais baratas!) como a Rodilux, por exemplo.

Outra maneira de arranjar um pincel janota à última da hora é esta que a Kah sugeriu há uns dias no Shampoo de Laranja: entre outras funcionalidades (vá, ponham a cabecinha a trabalhar!), podemos utilizar cotonetes para fazer o côncavo do olho, como podem ver no vídeo abaixo.

Agora, ponham mãos à obra e vasculhem o AKI, as papelarias e essas lojinhas e encontrem as vossas ferramentas de trabalho!

Ah, não se esqueçam de lavar os pincéis semanalmente, com champô para bebé, por exemplo! Divirtam-se!

7 comments on “Pincéis & Companhia

  1. Ahhh vc comentou sobre a musica do massive, não sei se vc já viu a abertura mas ela é usada só instrumental, mesmo assim muito boa.
    Bjins.
    (ahhh agora voltei pro nome do meu outro blog stylosophy)

Deixar uma resposta