10 Factos da Gravidez

Pontapés Bebé Gravidez
Imagem de origem desconhecida.

Aquelas coisas incógnitas que só percebemos quando as vivenciamos.

Estando eu a meio do sexto mês de gestação, já passei por alguns altos e baixos neste grande mistério da concepção. Entre as vivências próprias, as leituras e o que se ouve dizer, há aquelas verdades e mentiras que pairam no ar. Como devem calcular (tendo em conta a minha área de formação académica), já sabia muitas informações sobre o fenómeno da gravidez.

Sabem que mais? Afinal, não sabia nada. É mesmo tudo novo. Na minha perspectiva, há 10 factos (alguns podem ser bizarros!) que têm de conhecer sobre a Gravidez:

  1. Não há duas gestações iguais, é a verdade mais verdadinha que podem descobrir. Podem ler o que quiserem, ouvir quem quiserem, que mesmo assim vão existir experiências únicas relatadas por todas as grávidas.
  2. Assim sendo, nem todas as grávidas têm enjoos. Eu não tive, nem tenho. Pelo contrário, tive sempre imensa fome. Só não consigo comer tanto de cada vez.
  3. Os apetites estranhos acontecem mesmo. Esqueçam aqueles cravings da treta que conheciam, possivelmente associados à TPM. Vão mesmo ter apetites surreais, a horas estranhas, por coisas (coisas, não necessariamente alimentos) ainda mais bizarras.
  4. Por falar em apetites, a libido aumenta. As grávidas podem sentir-se cansadas e algo desgastadas, podem haver oscilações de desejo, mas… Quando a chama acende, acende. Não tem mal (a menos que haja alguma condição clínica que o contradiga). Há hormonas aos saltos, estamos mais atraentes (a pele está linda e maravilhosa e ainda por cima estamos mais curvy and sexy com mamonas em crescimento!) e… Olhem, é de aproveitar.
  5. O cabelo cresce mais rápido. E as unhas também. E ficam mais resistentes. Tem sido um festim, este segundo trimestre, com várias pessoas a quererem saber qual é o segredo para o cabelo crescer tanto em tão pouco tempo.
  6. Ah, voltando aos apetites, o paladar muda. Juro! Eu, que já nem era grande fã de doces, agora estou pior porque tudo me parece ainda mais doce. Mil vezes mais doce. E o que já era intragável, tornou-se ainda mais intragável. Como o ananás, que ainda por cima pica a boca toda. Blhec!
  7. Factos GravidezO peso também muda, de forma diferente em cada grávida. E nem sempre é fácil/possível controlar as oscilações. Eu, por exemplo, aumentei logo 5kg ao início e há quase 10 semanas que mantenho o mesmo peso. Não como mais do que antes e tento comer de forma mais saudável. Em caso de dúvida, nada como consultar um nutricionista.
  8. O padrão de eliminação muda completamente e vão emitir gases, muitos gases. Esqueçam o que conheciam das vossas idas à casa de banho antes da gravidez. Podem ficar completamente obstipadas, também podem cair no extremo oposto… Uma coisa é certa: vão ser afrontadas pela miséria dos gases. E vão fazer muito, muito xixi e não vale a pena aguentarem-se e contorcerem-se em longas esperas porque só faz mal.
  9. Falei do peito lá atrás? As mamas crescem muito, ficam doridas e com auréolas e mamilos super escurecidos. Podem ficar sensíveis ao toque, de tal forma que até fazem hematoma. Com um bocadinho de sorte (ou não), algures pelas 20 semanas começarão a ter mamilos pegajosos. Diz que é colostro, é normal e é uma pequena, mínima, microscópica amostra do que se espera que seja a produção de leite quando o bebé nascer.
  10. A depilação torna-se numa odisseia, e vão aparecer pêlos em sítios que não lembram ao diabo. Na barriga, ao redor das auréolas das maminhas, eles podem e vão aparecer só para vos chatear. Não se incomodem muito, que na maior parte dos casos não é nada dramático, é normal e depois passa. O pior é mesmo quererem depilar os sítios do costume (até porque os métodos mais eficazes podem estar contra-indicados) e não verem nada do que estão a fazer, ou nem se conseguirem mexer devidamente.

Factos Gravidez

Por ora, é isto. Acreditem que vos vou manter a par das descobertas à medida que forem acontecendo. Ah, e não se assustem, há coisas muito estranhas na gravidez mas o balanço global é totalmente positivo!

Chocolate Bon Bons – Too Faced

Chocolate Bon Bons Too Faced

Já podia ter publicado este post há mais tempo, mas mais vale tarde que nunca e ainda venho a tempo de vos mostrar uma das paletas mais fofinhas dos últimos tempos. Foi o meu presente de São Valentim e nas raras ocasiões em que me tenho maquilhado com direito a sombras e tudo, a Chocolate Bon Bons da Too Faced tem sido a minha paleta de eleição.

Chocolate Bon Bons Too Faced

Começo por dizer que andava a namoriscar outras paletas semelhantes, não só da mesma marca mas de outras para todos os gostos e carteiras, mas quando esta apareceu, bom… Da mesma família da Too Faced, só tinha a primeira Chocolate Bar e foi fácil decidir que entre a Semi Sweet e a Bon Bons, a última seria uma melhor escolha por apresentar uma maior diversidade de tons. Assim foi, já que pude escolher, optei pela donzela que vêem nas fotos.

O cheiro é aquele a que a marca nos habituou: chocolate. Há por aí alguém enjoado da Páscoa? Também me pareceu que não. No demais, são 16 sombras com tonalidades neutras e uns rosinhas pelo caminho, com uma diversidade de acabamentos (mate, acetinadas e shimmer) bastante equilibrada.

Chocolate Bon Bons Too Faced

A qualidade também é aquela a que a Too Faced já nos habituou: muito boa! A pigmentação é óptima e, tal como de costume, as amostras de cor da foto acima foram feitas sem qualquer primer por baixo. Como podem verificar, há um bom equilíbrio na diversidade de cores e na intensidade dos tons. Há de tudo para todos os dias, incluindo óptimas bases para outras sombras mais coloridas. A cor Cashew Chew, por exemplo, é quase, quase do tom da minha pele. Diria, aliás, que esta é a sombra mais seca da paleta (embora não seja nada problemático) e que as restantes têm todas uma textura excelente.

Não consigo dizer-vos quais são os meus tons favoritos, pois tenho utilizado todos eles em igual medida. Se ainda procuram A Tal paleta versátil, que dá para tudo e que tem óptima qualidade, esta pode muito bem ser uma opção a ter em conta. Em Portugal, vende-se exclusivamente na Sephora. Caso pretendam, também a podem adquirir online num montão de lojas.

Mimobox

mimobox

A minha ervilhinha ainda não nasceu, mas já é a princesa mais mimada de todas. Na semana passada, recebemos cá em casa uma mimobox. Para quem não conhece, a mimobox é um serviço de subscrição mensal que surgiu no início deste ano e que consiste numa caixa cheia de produtos e miminhos para mães e bebés, consoante o estadio de desenvolvimento da gravidez/criança. 

mimobox

O processo de encomenda é muito simples: primeiro, preenchemos um questionários, para que sejam apuradas as nossas características. Posteriormente, a cada mês é-nos enviada uma caixa, com preços a partir de 18€ (consoante a frequência da assinatura – 1, 3 ou 6 meses), que contém entre 6 a 8 produtos em full size que vão de encontro ao que respondemos no inquérito. Assim, garante-se que recebemos conteúdos úteis e do nosso agrado, para nós e para os nossos bebés.

mimobox

Não há duas caixas iguais, e eu fiquei muito contente com a minha mimobox deste mês. Posso dizer-vos que há aqui produtos que, sozinhos, mais que asseguram o preço da subscrição. Todas as marcas incluídas são conhecidas pela sua qualidade.

As bolachas Digestive Go! da Triunfo e o snack de maçã da Fruut são daqueles bónus muito úteis, que já se sabe que dá jeito trazer algo na mala para petiscar nalguma eventualidade. Tenho lido muitas coisas boas sobre o creme para as estrias da Palmer’s, nunca o tinha utilizado e estava curiosa, e o mesmo se aplica ao Hyaluron Filler da Eucerin.

O resto é para a Teresinha: BioGaia (bem sei que vai dar jeito para as cólicas!),Creme Muda Fraldas Halibut (que já tinha incluído na cestinha dela e nunca é de mais), Creme Bebé Oleoban, Toalhitas Well’s e uma chupeta Avent (já tinha duas da mesma marca, mas noutras cores, e também é das tais coisas que me parece não ser de mais). Também há um livro de histórias em inglês, e livrinhos em jeito de álbum para preencher com coisas bonitas da vida da bebé.

Recebemos 8 produtos que irão, com certeza, ser utilizados. São produtos que se compram com frequência e basta fazer as contas para chegar à conclusão que, tudo junto, daria para fazer uma subscrição de pelo menos 3 meses da mimobox. Recomendo muito o serviço, e se ainda não o conheciam e vão ser mamãs ou já têm bebés, ou têm amigas/família que se enquadrem nalgum destes grupos, vão espreitar, experimentem e passem a palavra!

Páscoa Feliz!

Chocolate Lindt Páscoa
Chocolates Lindt, edição Páscoa 2016

Espero ainda vir a tempo de vos desejar uma santa e feliz Páscoa, se a festejarem! Se não a festejarem, bom… Vá, aposto que não há ninguém que se recuse a festejar à francesa, com montes de chocolates.

Eu cá não sou de grandes missas e catolicismos, mas gosto muito da tradição pagã da troca dos ovos. Como podem ver pela foto, hoje encharco-me em doces (um dia não são dias!). Não há ovo, mas para o ano já tenho uma boa desculpa para anular esse problema. Estejam descansad@s, que não vou dar chocolates à Teresinha pequenina: para bem da saúde dela, como-os eu.

Teresa: o nome da minha ervilha.

Nomes

Uma das decisões mais importantes quando vem aí um bebé é a escolha do nome. Por aqui, foi fácil de mais. Obras do destino, calhou tudo a nosso favor. Foi engraçado, porque não tive sequer de abrir a boca para levar a minha opinião avante.

Na minha cabeça, sempre foi mais fácil escolher nomes de menina do que de menino. Há muito mais nomes bonitos. Porém, o preferido é, há muito tempo, Teresa. Soa-me bem, acho-o lindo, não há muitas Teresas actualmente e era o nome da minha avó materna que eu tanto adorava.

Quando eu e o L. começámos a falar sobre nomes de bebé, muito antes de ser possível saber o sexo da nossa ervilhinha, instintivamente vieram à baila os nomes de menina. Nunca pensámos muito na hipótese de vir a caminho um menino e a verdade é que se assim fosse, possivelmente ainda não teríamos escolhido o nome.

Como de imparcial nada tinha, mantive a minha predilecção para mim. Nunca tinha dito o quanto adorava o nome que escolhemos, quando do nada… Teresa. Gosto de Teresa. Estávamos em família quando o L. disse isto e eu fiquei encantada. Estamos em sintonia mesmo sem ser preciso falar. Não mexe mais, é mesmo isto! Podia ter escolhido melhor pai para a minha filha? Estamos mesmo em sintonia! A nossa escolha agradou também ao resto da família.

Não foi preciso recorrer a listas nem ideias alheias, não houve debates nem caretas, foi mesmo muito simples e rápido. E que todas as etapas complicadas se resolvessem assim, com serenidade e sem floreados.

Lista de Compras Expocosmética

Se, tal como eu, forem vaidosas, gostarem de novidades e tiverem algum amor à carteira, devem estar em cima dos acontecimentos e já sabem que de 2 a 4 de Abril se realiza mais uma edição da Expocosmética, na Exponor.

Há vários anos que gosto de visitar a feira e fazer as minhas compras, e já que o barrigão até mo permite, esta edição não será excepção e eu vou lá estar. As minhas dicas para quem não está familiarizado com o evento são simples: levem muita paciência, farnel, mochila grande/trolley e muita água. Se forem de autocarro, levem também o MP3 ou outra coisa qualquer para se entreterem. Sim, o mais provável é passarem parte do percurso na palheta, mas chega uma altura em que ganham fobia às pessoas.

Expocosmética

Outra coisa que considero fulcral é a criação de uma lista de compras, ou pelo menos de um esboço do que querem comprar. E levem dinheirinho, que o acesso ao multibanco é complicadíssimo. Assim, irão gerir melhor o vosso orçamento e certificam-se que trazem mesmo aquilo que querem e que precisam.

Decidi partilhar convosco a minha lista. Não muda muito de edição para edição, pois já vou conhecendo os stands que estão sempre disponíveis e o que vale mesmo a pena comprar a preços bem mais acessíveis que o habitual.

  1. Já partilhei convosco o meu amor pela Wet Brush e há dois modelos novos (o Epic Quick Dry e o Pop Fold) que quero muito trazer, se estiverem na feira. Encontram a marca no stand da Pluricosmética e habitualmente compensa muito comprar as escovas lá!
  2. Também já vos disse várias vezes que pinto o cabelo e, não tendo havido reacções adversas nem danos, é em eventos como a Expocosmética que aproveito para fazer stock do que necessito para esta tarefa, para mim e para a minha mãe. Também na Pluricosmética, há sempre a linha Life Color Plus da Farmavita a preços muito pequeninos. Não se esqueçam, são produtos profissionais e se não sabem o que estão a fazer mais vale ficarem quietinhas e deixarem a coloração capilar para quem dela entende.
  3. Quanto mais conheço da Novex, mais gosto da marca e por isso é de aproveitar as promoções deste evento para repor alguns favoritos para o cabelo (a Blindagem Capilaraqui, a Recarga de Queratina e a Queratina Líquida) e experimentar a Blindagem Capilar com óleo de argão, que me pisca o olho há muito tempo.
  4. A Kinetics também tem o seu stand, e eu aproveito sempre para abastecer de uma base de verniz e de um topcoat que adoro: o Nano Shark (falei dele aqui) e o Kwik Kote (também está neste post).

É claro que estes são os meus básicos e acabo por comprar sempre muito mais coisas. Sei que não virei de mãos a abanar da Nativa do Brasil, da Orly ou da Andreia, ou de algum stand tipo Stargazer ou NYX (se houver!). E, meninas, anotem o que vos digo: se virem por lá a Real Natura, aproveitem os champôs, máscaras e vitaminas óptimos a preços mínimos. Eu não o faço porque encontro boas promoções da marca perto de casa, mas sou a maior fã da máscara Afro e do champô Crina (hão-de estar num dos links de posts que coloquei algures mais atrás neste artigo).

E vocês, vão à Expocosmética? Que pretendem comprar? Há algo que me recomendem trazer?

Bebé A Caminho – 22 Semanas

Gravidez 22 Semanas
Fotografia tirada às 22 semanas + 4 dias

Xina, ‘pá! Parece que não, mas já passaram quase dois meses desde que postei pela última vez sobre a minha barrigona. Houve preguiça, houve arrumos, houve toda uma reviravolta que fez com que outras prioridades se instalassem. Vá, não sou assim tão desnaturada e fui mantendo a malta aqui do burgo actualizada nas redes sociais.

Ecografia 21 Semanas
Ecografia do 2º trimestre, às 21 semanas + 3 dias.

Retomando o fio à meada, se seguem o blog no Facebook ou no Instagram, já sabem do mais importante: está tudo a correr muito bem, já fiz a ecografia do segundo trimestre a minha ervilha aparenta estar óptima e super crescida e… Sim, é mesmo uma menina! É a Teresa. Foi super fácil escolher o nome e agradou a toda a gente (que importa), mas logo falamos melhor sobre este assunto.

A ecografia em si foi emocionante. Primeiro, o médico pregou-nos um susto gigante. Começou por dizer que eram gémeos. Eu devia ter filmado a cara do L., que olhava para mim com cara de faz-alguma-coisa-que-isto-são-calúnias, super assustado. Eu também fiquei tonta, mas consegui manter o juízo e respondi logo que não podia ser, que nas ecografias anteriores estava mais que visto que só havia um bebé! E o médico lá terminou a brincadeira. Sim, é só a nossa Teresinha linda. Já se assemelha mesmo, mesmo a uma pessoa pequenina! Vejam os pés, são tão fofinhos. E a boca e a mão? Ainda está dentro da barriga da mamã e já acena e manda beijinhos. Que carismática!

Gravidez 22 Semanas
Fotografia tirada às 22 semanas + 4 dias

Hoje estou nas 22 semanas + 4 dias de gestação. A Teresinha é super irrequieta, passa o dia e (especialmente) a noite à bulha na minha barriga e já se sente tudo muito bem ao toque. Vejam bem o requinte da donzela, que até já se dá ao luxo de responder ao toque do pai e ignorar a minha interacção.

A barriga (quase) duplicou e alguns dos vestidos que tinha comprado (lembram-se do que vos tinha mostrado da Zara, florido, de mangas largas?) já a contemplar o crescimento já deixaram de servir. Apertam muuuito a barriga e o peito. Por falar em peito, li por aí em vários sítios (fontes académicas incluídas!) que as maminhas aumentavam, em média, uma copa durante a gravidez. Onde é que já vai essa copa…

No demais, é quase tudo o que já vos tinha dito: apesar do desenvolvimento da barriga e do peito, não sofri qualquer aumento de peso desde a última vez que vos actualizei (yupi, yupi!), sinto-me bem, continuo no mesmo registo de dores lombares, pernas que tendem a inchar, muita sede, sono, muitas idas ao quarto de banho e… Fome. Muita fome, fome estranha. Obviamente, resisto ao que a minha cabeça se lembra de inventar. Já fiz uma birra ao L. porque queria hamburguer, também já meditei muito em batatas fritas com M&Ms e em arroz com maionese. Se cedi a estas duas últimas invenções? Nem pensar.

Gravidez 22 Semanas
Fotografia tirada às 22 semanas + 4 dias

Sinto-me calma, mas a verdade é que o tempo passa rápido demais e suspeito que já devia estar em pânico por não ter planeado listas de nada (pertences da bebé, malas de maternidade, bens que falta adquirir, pessoas a avisar disto e daquilo), nem a decoração do quarto, nem o baby shower. A propósito, seria demasiado bizarro se eu organizasse um baby shower virtual aqui no blog?

A Base com Maior Cobertura de Todas

Base Dermacol

Não estarei a exagerar quando digo que há uma base de maquilhagem que tapa tudo, mesmo tudo, com muita facilidade. Até as manchas mais difíceis, sejam elas de olheiras ou borbulhas. Mais, até as tatuagens ficam cobertas por completo sem esforço e com uma só camada. É a base Dermacol Cover.

Eventualmente, não é uma base para todos os dias. Pelo menos para mim e para a maior parte das pessoas, acredito. Nalguns casos especiais, poderá ser um milagre daqueles. Porque essa história de nos aceitarmos como somos tem muito que se lhe diga e a maquilhagem também faz parte de quem somos. Ninguém é obrigado a sair à rua de cara deslavada, expondo todas as suas imperfeições e algumas inseguranças.

Base Dermacol

Por outro lado, podem até ser profissionais de maquilhagem a quem um produto destes faria imenso jeito, especialmente porque cada bisnaga custa menos de 10€. Sim, leram bem. Na verdade, no único sítio que conheço que a vende (a loja online Fapex), custa 6.62€.

O processo da escolha de tom pode não ser muito fácil, pelo que vos deixo algumas imagens e um vídeo que a Coisas da Nadya fez que espero que ajudem. Sem dúvida, sai muito mais em conta que outras bases de marcas concorrentes e está disponível num maior leque de cores.

Quanto a outras características para além da cobertura, não posso adiantar muito mais porque ainda não testei a base devidamente (querem um post mais pormenorizado sobre o assunto?). Porém, posso dizer que é algo consistente e pesada. Para quem tem pele mista/oleosa, diz-se que tende a ficar brilhante ao longo do dia, mas que não é nada que um pó não resolva. Diz-se, também, que é resistente à água.

Impressionadas? Eu estou!

Já estamos na Primavera?

Granizo
Chuva de granizo em Lisboa, 21 de Março de 2016.

Sim, eu sei, foi “só” granizo. Em 26 anos de vida, estou fartinha de ver granizo, mas nunca tinha assistido a um fenómeno atípico destes. Sei que perto de serras e noutros locais com condições meteorológicas habitualmente estranhas e que mais parecem microclimas chanfrados, é relativamente frequente haver fenómenos destes. Aqui onde estou, nem por isso.

Parece que estão a cair fiapos de gelo juntamente com a chuva, disse o meu pai. Foi só correr para a janela para começar o festival de queda de granizo que deixou tudo branquinho na rua, tal e qual neve, com alguns berlindes pelo meio. Horas depois, ainda havia blocos de gelo espalhados um pouco por toda a rua. Foi assim um pouco por toda a Lisboa.

Este ano, Portugal teve um Inverno pobre em frio. Falo por mim (e sei que não são as hormonas saltitantes, que sou boa observadora do que se passa à minha volta), contam-se pelos dedos os dias em que foi necessário usar agasalhos mesmo, mesmo quentinhos.

Por outro lado, também não houve um dia mais ameno em que desse para andar de manga curta à vontade. Noutros anos, a esta altura do campeonato, apesar de haver dias mais frescos, já as roupas mais primaveris começam a sair do armário.

Até porque, a sério que é verdade, já estamos na Primavera. Começou no passado domingo. Não parece, pois não?

Já começo a ficar aborrecida com tanto tempo feio e escuro.

Slip-ons Victoria

No ano passado, publiquei este post onde pedi a vossa ajuda para escolher umas sapatilhas slip-on da Victoria. Na altura, não foi assim tão complicado decidir. Não havia um grande leque de opções e, a dado momento, as de glitter prateado já não estavam disponíveis no meu tamanho.

Slip On Victoria
Slip-ons em trança: os dourados já existiam, os restantes são novidade. Adoro os acobreados!

Optei pelas de malha dourada, sem arrependimentos. Ficaram muito bem nos meus pés, o número corresponde ao habitual, e são confortáveis e resistentes. Este ano, sei que vou continuar a utilizá-las. Nem que tenha de utilizar uma palmilha de reforço no calcanhar, já que são completamente rasas (o que, neste momento de barriga gigante, se torna desconfortável).

Slip On Victoria
Slip-ons com glitter: os pretos, aiii os pretos!

Sucede que a nova colecção da Victoria está de sonho e eu, mesmo não sendo fã de calçado mais descontraído e desportivo, derreto-me e quero tudo. Para além do entrançado dourado, há mais três cores. Todas têm acabamento metalizado. Quero muito as sapatilhas acobreadas, mas também adoro as pretas.

Na versão com glitter, há as pretas e as prateadas. Também são tão fofinhas! Já tenho umas sapatilhas da mesma marca com purpurinas pretas, mas não me importava de ter estas (a sola e o modelo são diferentes!) para lhes fazerem companhia.

Estou a ponderar comprar um par, mas não sei qual deles escolher. Socorro!