Ok, Guida, já chega – Não, não chega! Se falamos de coisas bonitas, fofinhas, cuchi cuchi, a transpirar de pirosice, kitsch, acessórios que tanto podiam ser para a avó ou para a bisneta de cinco anos, cores de bebé, bolinhas, lacinhos corações e tudo mais, não chega. E eu defendo que é preferível ter coisas a mais do que a menos, e por vezes peco pelo excesso.

Se juntarmos as pancadas todas, concluímos que para mim não é de mais ter mais uma mala (nem sonham vocês com a minha colecção gigante), mesmo que esta seja mariquinhas de mais para que possa sequer utilizá-la com qualquer vestuário no meu dia-a-dia. Ou talvez não. Acho que é linda para o Verão, e no meio do festival de cores da época, algo assim só ajuda a compor o cenário perfeito.

Esta malinha bonita da fotografia veio do SammyDress, e para o preço que lhe colocaram (cerca de 5€, feitas as contas) acho que a qualidade é bastante razoável. Os materiais não são nada de espectacular, mas dá perfeitamente para o gasto. Já vi piores na Primark de que tanta gente gosta, por exemplo.

Não é muito grande (por muito grande entendam uma mala com capacidade de uns 30l), nem é preciso, porque nesta altura do ano não preciso de andar nem com o portátil nem com pilhas de cadernos atrelados a mim.

Digam lá que não é amorosa!





Deixar uma resposta