Se querem que uma pessoa coma aquilo que (aparentemente) não gosta, não subestimem o poder do aspecto dos alimentos.

A sério! E graças ao bom aspecto de algumas comidas cá de casa, aos programas, sites e livros de culinária, consegui comer montanhas de coisas que jurava a pés juntos que nunca iria comer, coisas horreeendas tipo queijo derretido, por exemplo, e que afinal sabem bem. No prato certo, porém!

Há uns dias, descobri que afinal gosto de alho francês. Há testemunhas! Estava tão lindo, às rodelinhas,  verdinho, na vitrine da casa das massas. Mesmo a pedir para cair no prato. Pedi-o, sem hesitar. Não me arrependi.

3 comments on “Lição #5

  1. Meteu o prato mais leve, e o sabor não é assim tão forte como quando o metes na sopa em quantidade, é verdade. 🙂
    Bróculos, courgette e essas coisas tb ficam saborosos, garanto. E queijo derretido, como é possível não gostar?nhami…

    Bjs.

Deixar uma resposta