Fotografia por João Coelho

Se a Guida se chamasse Joana, este blogue talvez fosse O da Joana e vocês nunca teriam lido sobre as mariquices da Guida. Se a Guida se chamasse Joana, deixava de ter nome de flor. Se a Guida se chamasse Joana? Bem, a Guida chama-se mesmo Joana.

Então, perguntam vocês, por que é que a Guida é Guida se se chama Joana? No bilhete de identidade diz que eu sou a Joana Margarida. Como qualquer outra pessoa com dois, ou três, ou mais nomes próprios tenho direito a pôr em prática o meu problema de identidade. Joanas há muitas! Para além do mais, fora de casa sempre me chamaram Margarida até ir para os escuteiros e, mesmo assim, na escola primária eu era a Margarida. Querem convencer uma pessoa de que se chama mesmo Joana aos dez anos de idade?

Até hoje, fui sempre tramada pelas listas de nomes nas escolas. Se gosto? Não. Se uma Maria ou um Hernâni têm o direito de optar pelo segundo nome se o tiverem e quiserem, por que é que eu não posso esconder a Joana? Neste caso, não é porque desgosto do nome nem porque é um nome invulgar. É precisamente por ser um dos nomes mais comuns que não o quero.

Para além disso, se há alguém que admiro neste mundo é a minha mãe Guida. Há melhor homenagem do que optar por usar o mesmo nome, visto que consta do registo?

Se não forem da minha família ou amigos próximos, não tentem gritar “Joana” no meio da rua porque eu não vou olhar.

Se algum namorado me chamar Joana, involuntariamente penso que ando a ser trocada por outra gaiata qualquer. E levo algum tempo até perceber que, sim, sou mesmo eu. E já deixei passar a minha vez no médico por não ligar à chamada. É absurdo, eu sei.

Afinal, não sou Margarida nem deixo de ser!

P.S. em 2011 Se este blogue tivesse sido O da Joana, eventualmente agora não havia um programa de rádio com o mesmo nome. E esta, hã?

19 comments on “E se a Guida Afinal se Chamasse Joana?”

  1. Eu já tinha reparado no concurso da Suzi que tinhas outro nome primeiro. Há n pessoas que optam por fazer isso, conheço algumas que preferem ser chamadas pelo segundo nome. Umas por não gostarem mesmo do nome, outras por recearem que, ao serem chamadas no meio da rua, metade das pessoas virarem a cara..

  2. Só por Joana vir em primeiro lugar não significa que tenhas que ser tratada por esse nome. Entre os dois também prefiro Margarida, é mais musical. Eu uso bastante o diminutivo Bela que vem do meu segundo nome Isabel. Em casa, com amigos, na blogosfera sou Bela, no ambiente de escola ou trabalho infelizmente sou tratada pelo primeiro nome. Não que não goste dele, apenas porque gosto mais de Isabel… beijinhos

  3. eu sou Teresa Catarina
    até ao 5º ano era só a Catarina… e agora sou a catarina para a familia e a Teresa para o resto… mas por acaso consigo reagir bem aos dois nomes… e ainda consigo reagir às alcunhas que fazem para a Teresa e para a Catarina xD

    beijinhos

  4. Bela: Filha minha há-de ser Margarida Isabel ou Isabel Margarida 😛

    Marisa: Ora bem!

    Jedi: 😀

    Olhos Dourados: Pois claro que é, já que nos dão nomes gigantes, pelo menos que isso tenha algum benefício 😛 Queixa-se uma pessoa que só tem quatro nomes.

    Teresa: Claro, dizes isso porque nenhum dos teus nomes é assim tão comum 😛 Já disse à Bela que filha minha há-de ser Isabel Margarida ou Margarida Isabel, e digo-te agora que se tiver mais do que uma filha, vai haver uma Teresa!

    Joana: Não acho, se calhar é do hábito 😛

    Beijinho

  5. Que nome lindo, Joana Margarida!
    Não sei se é o mesmo nome em Portugal, mas aqui no Brasil chamamos aquele lindo besourinho redondo, vermelho com bolinhas pretas, de joaninha. Então, nada mais adequado que ter uma joaninha perto da margarida!
    Os dois nomes são lindos demais! Use qualquer um deles, quando tiver vontade. É um privilégio poder escolher! 😀
    Beijinhos!

  6. Renata: Sim, cá também são joaninhas! É a parte positiva 😛 E até dá uma assinatura gira, usei por vezes ^^ Mas Margarida é Margarida!

    Geisa: É, e se os pais não querem destes problemas, tivessem dado só um nome! 😛

    Inês: Pois, conheço uma ou duas também. E tive o infeliz azar de ter uma na mesma turma que eu há uns anos. Acontece que ela era uma aluna medíocre e eu tinha boas notas, temia muito quando era altura de ver as pautas das classificações!

    Beijinho

  7. Escolha o nome que mais te agrada, o que mais se parece com você! Afinal, o nome é uma das maneiras como as pessoas te vêem no mundo.
    Quem dera se aqui tivesse uma Sephora!

  8. ahahah…eu sou Joana e até gosto, mas prefiro bem mais o meu 2º nome Eunice, e se pudesse optava por ele, mas toda a gente me chama de Joana, ou melhor Ju (menos mal xD)…
    bjinhu*

  9. O meu gosto diz me que a combinação Joana Margarida é belissima! Se eu tivesse dois nomes que encaichassem um com o outro, adoraria que me tratassem plos dois como um só. E Joana Margarida é um dos poucos casos que gosto =)

  10. Pois, a mim se me chamarem na rua Maria nao me vou virar… 🙂 Mas eu gosto dos meu dois nomes Maria Inês, fica bonito,mas o normal mesmo é chamarem me Inês, embora haja pessoal que me trata por daliska ou odalisca 😛
    É como lhe apetecem!
    beijokas Guida (realmente prefiro o guida a joana)

  11. «Querem convencer uma pessoa de que se chama mesmo Joana aos dez anos de idade?»
    LOLLLLLLL
    LOLLLLLL

    tens toda a razão… felizmente só tenho um nome própria e pouco usual (ou já foi pouco usual) – Juliana… contudo parece que as pessoas se cansam do nome (dizem k é comprido) e encurtaram para Jú.

  12. Ju: Epá, isso do Ju era no 7º e 8º ano. E tudo graças às pautas dos nomes, que lá tinham a Joana. Eunice é um nome giro 🙂

    Patrícia: Como disse à Renata, dá uma imagem gira, é verdade, mas coiso… Joana Margarida é o que me chamam cá em casa quando há chatice :S

    Odalisca: É um nome comum, mais nas pessoas mais velhas, mas é giro! Maria Inês então é uma combinação pomposa! Eu gosto ^^

    : Tens nome de mistura de vegetais, não tens vergonha? 😛 Estou a brincar, Margarida é comprido também, e por isso chamam Guida.

    Beijinho

Deixar uma resposta