Categoria: Compras

Fapex: o que comprar?

Encomenda Fapex

Depois de ter publicado um artigo explicativo sobre o processo de compra na Fapex, várias foram as pessoas que me abordaram no sentido de saber o que é que compensa comprar na loja.

Associada a esta grande dúvida, frequentemente surgiu outra questão: os produtos da loja são fidedignos? São, sim! Pelo menos, até à data, todos os que me chegaram às mãos estão em perfeitas condições e dentro dos prazos de validade. No dia em que me surgissem dúvidas, podem ter a certeza que nem sequer fazia qualquer menção à Fapex aqui no blog.

Ultrapassada esta dúvida inicial legítima, eis o que é possível encontrar que torna o site tão especial:

  • Marcas que não são comercializadas no nosso país – têm o exemplo da Ziaja, da Batiste ou da Dermacol, que até são muito acessíveis e têm produtos de óptima qualidade. Quem diz estas, diz outras.
  • Marcas que temos por perto mas com preços mais elevados – Ou em formatos que não estão disponíveis no nosso país, e aqui podem incluir marcas de farmácia e perfumaria, bem como o mercado de luxo. É simples: se pretendem comprar determinado produto e sabem qual é o preço habitual dele, podem sempre comparar com o praticado na Fapex. Não garanto que seja sempre vantajoso, mas há muitas situações em que compensa (da minha experiência, posso falar da Uriage, da Guerlain e muitos perfumes).

Acima, têm uma foto da última encomenda que fiz. Mantive-me num registo low cost, entre coisas que queria experimentar e outras que já conhecia e necessitava de repor, como o champô seco (já falei dos champôs Batiste aqui e aqui).

Em breve, contem com posts mais detalhados sobre a base Dermacol Cover e sobre os produtos Orly desta foto.

Expocosmética 2016 – O Rescaldo

Muito me têm perguntado vocês sobre as minhas compras na última edição da Expocosmética, que já passaram algumas semanas e eu tenho permanecido silenciosa. Assim muito resumidamente e para começar, consegui trazer tudo o que queria da minha wishlist.

Não foi complicado, até porque este ano a feira abriu mais cedo para um grupo mais restrito que o público geral e inicialmente não houve tanta confusão. Aplaudo de pé esta ideia e espero que permaneça nas próximas edições! Não é tanto por mim (embora agradeça), que não sou mais que ninguém, mas reconheço que para os profissionais simplifica a tarefa das compras.

Senti que houve uma menor adesão por parte de bloggers e público amador e que, por outro lado, houve uma maior oferta que noutras edições da feira. Continuou muito voltada para a estética profissional, em especial para as unhas e cabelo, mas havia uma maior diversidade e notei que houve empenho em atender ao interesse masculino pela beleza.

expocosmética

Passando ao que vos interessa, compras e ofertas – o que podem ver na foto. Já não consta do registo a remessa inicial, porque entreguei logo à minha mamã aquilo que me tinha pedido, e seleccionei logo as ofertas de forma a encaminhá-las para quem as poderia utilizar (entenda-se, tudo o que era gel e semelhante, ficou nas mãos do L.).

Trouxe as minhas tintas e oxidantes da Farmavita e duas Wet Brush da Pluricosmética, onde fui recebida com o carinho de sempre. Ainda vim de lá carregada de amostras boas (muitas delas em tamanhos muito generosos, como podem verificar!) e com uma maleta da Wella com dois produtos de cabelo para experimentar. No stand da Embelleze, comprei a Blindagem Capilar (normal e com óleo de argão), a Queratina Líquida e a Recarga de Queratina de que já tinha falado, e ainda me ofereceram mais uma unidade desta última e o Boost Gold, que desconhecia. Da Kinetics, trouxe o Nano Shark e o Kwik Kote, como não podia deixar de ser, e ainda me ofereceram um verniz Solar Gel. Ainda trouxe ofertas da Andreia (merecem um post especial) e fiquei a catrapiscar uma das novidades da marca, e da Inoeh.

Tinha-vos falado de outras potenciais compras, mas o preço não compensava e acabei por não investir. No total, saíram-me do bolso cerca de 50€ que, noutras ocasiões, rapidamente se transformariam em mais que o dobro.

Já sabem, irei mostrar-vos as novidades detalhadamente, mas caso queiram saber algo específico ou que dê prioridade a alguma das minhas compras, sintam-se à vontade para perguntar!

Fapex: como encomendar?

Há uns dias, falei-vos de uma base de maquilhagem estupenda que gerou algum buzz. É boa e barata, e vem de uma loja online que nunca tinha mencionado aqui no blog: a Fapex. Obviamente, não tardou até começar a receber um montão de questões sobre a loja e decidi falar da minha experiência de compra para que sejam desmistificadas todas as dúvidas.

Fapex

Para começar, sim, podem encomendar à confiança sem medo de calotes ou bisbilhotices da alfândega. A Fapex é uma loja online da República Checa que vende cosméticos de toda a espécie, fidedignos e que cumprem todos os requisitos de qualidade, a preços geralmente mais baixos que noutras lojas semelhantes.

A oferta é muito ampla, encontram produtos de marcas que temos cá, de outras que adoraríamos ter por cá mas que só conseguimos encontrar na Internet, sejam eles do tipo de produto acessível num supermercado ou classificados em patamares mais luxuosos. Posso dizer-vos que comprei maquilhagem para mim, mas também encomendei alguns produtos que quero que façam parte do arsenal de cuidados da minha Teresinha.

Sim, pagam-se portes: a quantia fixa é de 5,95€, que compensa perfeitamente o que se poupa nas compras em si. Outro ponto que, para mim, justifica este valor é o facto de todas as encomendas serem entregues entre 3 a 6 dias úteis (por aqui bateu nos 3 dias). De vez em quando, surgem campanhas de portes grátis acima de determinado valor.

Chega tudo impecavelmente embalado, numa caixa de cartão com os produtos envoltos individualmente em plástico bolha. Por norma, quando fazemos a encomenda, dá para escolher uma amostra ou outro tipo de freebie. Não creio que seja relevante, mas é simpático e pode ser decisivo para algumas pessoas. Caso haja algum produto que não corresponde às expectativas iniciais, dá para devolvê-lo num prazo de 14 dias.

Os métodos de pagamento também são variados e feitos para que qualquer pessoa consiga encontrar uma opção ao seu gosto: há contra-reembolso (por mais 2€), Paypal, cartão de crédito ou transferência bancária.

Creio que consegui responder ao que me pediram, mas caso surjam mais dúvidas é só perguntarem. Boas compras!

Fapex

Lista de Compras Expocosmética

Se, tal como eu, forem vaidosas, gostarem de novidades e tiverem algum amor à carteira, devem estar em cima dos acontecimentos e já sabem que de 2 a 4 de Abril se realiza mais uma edição da Expocosmética, na Exponor.

Há vários anos que gosto de visitar a feira e fazer as minhas compras, e já que o barrigão até mo permite, esta edição não será excepção e eu vou lá estar. As minhas dicas para quem não está familiarizado com o evento são simples: levem muita paciência, farnel, mochila grande/trolley e muita água. Se forem de autocarro, levem também o MP3 ou outra coisa qualquer para se entreterem. Sim, o mais provável é passarem parte do percurso na palheta, mas chega uma altura em que ganham fobia às pessoas.

Expocosmética

Outra coisa que considero fulcral é a criação de uma lista de compras, ou pelo menos de um esboço do que querem comprar. E levem dinheirinho, que o acesso ao multibanco é complicadíssimo. Assim, irão gerir melhor o vosso orçamento e certificam-se que trazem mesmo aquilo que querem e que precisam.

Decidi partilhar convosco a minha lista. Não muda muito de edição para edição, pois já vou conhecendo os stands que estão sempre disponíveis e o que vale mesmo a pena comprar a preços bem mais acessíveis que o habitual.

  1. Já partilhei convosco o meu amor pela Wet Brush e há dois modelos novos (o Epic Quick Dry e o Pop Fold) que quero muito trazer, se estiverem na feira. Encontram a marca no stand da Pluricosmética e habitualmente compensa muito comprar as escovas lá!
  2. Também já vos disse várias vezes que pinto o cabelo e, não tendo havido reacções adversas nem danos, é em eventos como a Expocosmética que aproveito para fazer stock do que necessito para esta tarefa, para mim e para a minha mãe. Também na Pluricosmética, há sempre a linha Life Color Plus da Farmavita a preços muito pequeninos. Não se esqueçam, são produtos profissionais e se não sabem o que estão a fazer mais vale ficarem quietinhas e deixarem a coloração capilar para quem dela entende.
  3. Quanto mais conheço da Novex, mais gosto da marca e por isso é de aproveitar as promoções deste evento para repor alguns favoritos para o cabelo (a Blindagem Capilaraqui, a Recarga de Queratina e a Queratina Líquida) e experimentar a Blindagem Capilar com óleo de argão, que me pisca o olho há muito tempo.
  4. A Kinetics também tem o seu stand, e eu aproveito sempre para abastecer de uma base de verniz e de um topcoat que adoro: o Nano Shark (falei dele aqui) e o Kwik Kote (também está neste post).

É claro que estes são os meus básicos e acabo por comprar sempre muito mais coisas. Sei que não virei de mãos a abanar da Nativa do Brasil, da Orly ou da Andreia, ou de algum stand tipo Stargazer ou NYX (se houver!). E, meninas, anotem o que vos digo: se virem por lá a Real Natura, aproveitem os champôs, máscaras e vitaminas óptimos a preços mínimos. Eu não o faço porque encontro boas promoções da marca perto de casa, mas sou a maior fã da máscara Afro e do champô Crina (hão-de estar num dos links de posts que coloquei algures mais atrás neste artigo).

E vocês, vão à Expocosmética? Que pretendem comprar? Há algo que me recomendem trazer?

Encomenda Dresslink

Dresslink Encomenda Order Compras

Já partilhei convosco, e quem já passou/está a passar pelo mesmo sabe, que estar grávida tem sido um desafio e pêras no que toca a escolher a indumentária no dia-a-dia: por um lado, há boa parte da nossa roupa que serve; por outro, não sabemos como a devemos vestir porque a outra parte, a que combinava, deixou de servir e temos, invariavelmente, de comprar roupa. Eis que surge outro problema. Queremos que a roupa dure, preferencialmente para depois da gravidez. Para além de a roupa de grávida ser, no geral, mais cara, não é tão versátil.

Decidi que compraria o mínimo indispensável adequado à minha condição. Até agora, comprei umas calças e, dependendo de como estiver no tempo quente, talvez compre uns calções para grávida. No demais, opto por roupa normalíssima, só que em modelos mais elásticos ou folgados, e como tenho visto o caso mal parado quanto ao aumento de peso, procuro não gastar muito dinheiro. Para além de não dar jeito nenhum (porque agora passei a ter mais despesas), tenho certo receio de mais tarde não caber na roupa que visto agora.

Após ver e ler uma série de críticas ao site Dresslink, optei por fazer uma encomenda. Com portes e tudo (com número de rastreio dos correios), não chegou aos $30. Inclusivamente, há uma secção de artigos a $0.01 (vingam-se nos portes) e outra com artigos cujos portes são oferecidos. É tudo barato de mais mesmo para o habitual deste tipo de lojas e outros sites como o Ebay ou Aliexpress e só arrisquei mediante duas observações:

  • Vi fotografias e vídeos, em blogs e canais do Youtube, de algumas peças e pareceram razoáveis;
  • O próprio site, dentro da página de cada artigo, tem uma secção de comentários onde é possível ver a opinião de quem comprou e fotos das respectivas peças. Assim, deu para me guiar nas minhas escolhas.

Dúvidas esclarecidas, tratei de encher o carrinho. Escolhi as cinco peças da imagem acima, sendo que sei que o vestido às riscas pode, na verdade, revelar-se uma camisola/túnica, e mandei vir em duas cores (daí aquela imagem à esquerda). De uma maneira ou de outra, a julgar pelas fotos de quem comprou, todas as peças tinham bom aspecto e, à partida, servir-me-ão mesmo com uma barriga gigante. Para quem se questiona, a maior parte das peças tem uma boa variedade de tamanhos à escolha e, a avaliar pelas fotografias, muitas vezes correspondem aos tamanhos ocidentais.

Assim que a minha encomenda chegar, mostro as peças todas e coloco aqui os respectivos links. Encomendei pela altura do Natal e, ao que parece, não tardará a chegar. Até lá, gostava que alguma de vós pudesse dar feedback: já compraram na Dresslink? A entrega foi rápida? Correu tudo bem? Esta história das compras online vindas do oriente é sempre um mistério.


Sale with 0.01 USD

Agenda Mr Wonderful 2016

agendamrwonderful2016

O fim do ano está mesmo aí e, com ele, começam as preocupações de agendar e organizar tudo e mais alguma coisa. Sei que muitas de vós já se renderam ao formato digital, mas eu cá gosto de ter tudo organizado em papel. Assim, não estou dependente da Internet e muito menos da electricidade. Não há nada como registos “palpáveis”!

Para que tudo funcione na perfeição, a escolha da agenda perfeita é essencial. Podia elaborar os meus registos à minha medida, mas sou preguiçosa. Podia comprar uma agenda baratinha, mas não seria muito gira nem plenamente funcional para o que necessito. Há algumas muito engraçadas por cá, mas para 2016 decidi optar pela da Mr Wonderful.

Já devem estar fartinhas de ouvir falar dela, mas tudo tem os seus motivos: é que foi mesmo muito bem concebida! Tem uma configuração apelativa e espaço para escrever. Tem duas coisas que podem parecer inúteis, mas que para mim são absolutamente necessárias: o elástico na capa e uma bolsa interior, já que os meus cadernos e agendas acabam, invariavelmente, cheios de tralha. E quando caem ao chão? Pois. Assim, acaba-se o drama.

Ainda traz régua e marcadores, para ninguém se perder e todas podermos cultivar o bichinho dos bullet journals (aqui está tudo direitinho, mas há margem para rabiscos).Também tem listas para tudo e mais alguma coisa (até listas catita para quem vai de viagem!), papéis com diferentes padrões para escreverem o que vos der na telha e centenas de autocolantes (e nenhum repetido).

Custa 16€90 (nada de mais quando comparamos com outras agendas todas pipis) e comprei a minha na loja da marca, mas já percebi que também existe na Fnac e acaba por ser mais barata, já que evitam os portes. Caso não tenham a certeza que existe na loja, podem sempre comprar online. Levantar em loja é gratuito e, de qualquer forma, há sempre muitas campanhas de portes grátis acima de determinado valor. Se eu soubesse, na altura, teria encomendado também o álbum de bebé da mesma marca, que esgotou.

E vocês? Já têm agenda para 2016? Qual delas escolheram? E de álbuns de bebé, sabem de algum bonito e completo?

In Beauty 2015 – O Rescaldo

Chegou ao fim mais uma edição da In Beauty, uma das feiras de beleza de grande relevo que temos no nosso país. Foram 3 dias (3 a 5 de Outubro) em que, na Meo Arena, houve muitas promoções e demonstrações de novidades no campo da estética e beleza. Na minha opinião, tem havido melhorias de ano para ano e é maior a oferta, a credibilidade deste tipo de eventos e também as boas oportunidades têm aumentado. Ainda assim, continua a ser algo muito voltado para os profissionais e com um grande foco nas unhas e no cabelo, ficando o domínio da maquilhagem na penumbra.

Já começo a ter uma ideia dos stands presentes nestas iniciativas e dos produtos que quero comprar, porque têm preços muito apelativos e compensam bastante. Quando falo (eu e outras bloggers!) em produtos que não se encontram com tanta facilidade nas grandes superfícies e perfumarias, aqui têm: na maior parte dos casos, são de lojas especializadas e estão muitas vezes presentes nas feiras (Expocosmética/InBeauty) que acontecem uma ou duas vezes por ano.

inbeauty

Posto isto, fiz a minha lista para não me perder, e a verdade é que, desta feita, acabei por nem sequer ver a feira toda. Visitei o que me interessava, cumprimentei parceiros do blog, comprei só o que queria (e o que não planeava comprar a curto prazo, mas valia a pena!) e por aí fiquei.

Queria repor o meu stock de vernizes especiais da Kinetics, mas a marca não esteve presente nesta edição. Comprei tintas de cabelo – uso as da Farmavitta, à venda na Pluricosmética, que estão sempre baratíssimas nestas feiras por aproximação do fim da validade; duas escovas de cabelo, também na Pluri; e o Tratamento Selante Pré-Escova Blindagem Capilar da Novex na banca de um dos seus clientes (ainda não usei, mas tenho ouvido maravilhas sobre ele!).

No stand da Hair & Body, havia promoções fantásticas no champô e máscara que utilizo habitualmente da Real Natura (tudo abaixo dos 5€). Contudo, não me pareceu muito sensato carregar com garrafões de 5l de champô e máscaras de 1kg, sendo que o regresso a casa ainda iria tardar e, de qualquer forma, a loja costuma ter promoções que, não sendo tão boas, também são muito jeitosas.

Vim de lá mimada com mais umas poucas coisas: à entrada, foi-me oferecido um pequeno kit com gomas (que já marcharam!), um hidratante corporal (que já ofereci) e três vernizes Inocos. A Andreia oferecia um kit com 2 vernizes da sua colecção Grey’s Attraction e três vernizes 14Ever (já os tinha, pelo que estes últimos são para vocês). A Nativa do Brasil encheu-me de mimos: um gel-duche de litro, um sabonete esfoliante, um creme para os pés e um hidratante corporal. Da Pluricosmética, ainda trouxe um montão de amostras.

No total, gastei cerca de 20€. No fim das contas, o saldo foi bastante positivo! Com calma, vou falar de tudo o que vos mostrei.

Biquinis à Discrição

Aliexpress Encomenda Biquini Bikini

Ontem fiz a minha primeira compra no Aliexpress. A culpa foi da Thaisa, que partilhou as suas compras fantásticas de biquinis a preços surreais. Perguntei-vos na página do Facebook se tinham feedback do site, já que era a minha estreia, e resolvi encomendar umas poucas peças (as das fotos) para ver como corre a experiência. Pelos vistos, o Aliexpress é uma plataforma tipo Ebay. O tempo de espera deverá ser semelhante, os artigos também, mas os preços são mais baixos e não dá para fazer pagamentos via Paypal. Sugere-se a utilização de cartões de crédito. Aconselho a que utilizem o MB Net, que sempre é mais seguro!

O processo de escolha foi algo complicado. Há tantas coisas giras e tão baratas que, quando dei por mim, tinha dezenas de peças no carrinho! Procurei biquinis com portes grátis (free shipping) e ordenei os preços de forma ascendente. Escolhi um tamanho acima do que visto habitualmente, just in case. No final, foi só decidir o que realmente queria e gastei 19€ e picos. Agora, é rezar para que chegue tudo em tempo útil e em boas condições. De contrário, não faz mal: posso abrir disputa no site e reaver o meu dinheiro.

Como várias de vós pediram, deixo-vos os links dos artigos que comprei abaixo (mas não me responsabilizo caso a experiência não corra bem, hã?):

Top das conchas | Tanga florida | Biquini azul escuro florido | Biquini florido branco e vermelho | Biquini do top branco

Assim que os artigos forem chegando, vou partilhando tudo convosco! Espero ter esclarecido as vossas dúvidas e caso surja mais alguma, já sabem que é só entrar em contacto. Caso façam achados destes, de biquinis, roupas e acessórios bonitinhos, por favor, partilhem!





Dias negros para as compras

1393531403702.cached

Consta que as tradições dos outros países são contagiosas e, de ano para ano, têm aumentado as alusões à acção americana Black Friday por terras lusas. Este dia (que, em muitos casos, se transformou num fim-de-semana inteiro, vá-se lá entender a estratégia) que sucede o Dia da Acção de Graças, muito resumidamente, é visto em termos comerciais como o início da preparação para o Natal.

As lojas e marcas aproveitam para oferecer imensos descontos e promoções, a malta agradece. Não há nada que me faça muita falta, pelo que eventuais compras seriam um capricho. Confesso que nem sequer tive motivação para bisbilhotar as ofertas deste período como deve ser, significando isto que não fiz compras nenhumas no próprio dia.

Hoje, após o almoço, aproveitei para dar uma volta pelo shopping do costume para procurar um blusão preto que me agradasse e deparei-me com os vestígios das promoções especiais. Como é que é, senhores comerciantes? É impressão minha ou retiraram as peças mais jeitosas dos expositores? Bastou-me entrar na Zara e ver as movimentações das funcionárias, que estavam atarefadíssimas, para perceber que estavam a devolver à loja o seu aspecto “normal” e que houve imensas peças que foram retiradas de cena durante o dia de ontem, numa tentativa de escoar artigos desinteressantes e mais que batidos.

Afinal, foi ou não foi uma boa oportunidade para fazer compras? Tenho a certeza que algumas de vós terão feito boas compras (onde e o quê? Já sei que as lojas online, no geral, ficaram viradas do avesso). Cá por mim, o melhor é mesmo esperar pela época que sucede o Natal. Saldos, vinde a mim!…

5000 artigos com -50% na La Redoute

Já me ouviram dizer várias vezes que as compras através da La Redoute já são uma tradição na minha família. Antes de eu existir, já a minha avó fazia compras pelos catálogos. Desde então, e até agora, todas as estações fazemos as nossas encomendas.

Como se não bastasse ter uma vasta oferta, que vai desde as marcas próprias com peças de óptima qualidade a preços super acessíveis até às marcas específicas que não encontramos facilmente noutras lojas (como a Derhy e a Paul & Joe Sister, que são das minhas preferidas), a La Redoute costuma ter em vigor, com certa frequência, promoções muito boas. Uma das melhores oportunidades de compras surge agora, de 24 a 28 de Abril, com a realização de uma acção incrível! Durante estes dias, 5000 modelos da colecção Primavera/Verão estarão com 50% de desconto.

Já tinha algumas peças em vista desde que recebi o catálogo em casa, e irei aproveitar agora para as encomendar a preços que não arruinam o orçamento. E se não gostar ou quiser trocar por outro tamanho/cor, não há problema, porque a La Redoute tem um serviço grátis de trocas e devoluções – basta levar a embalagem com o talão de encomenda preenchido para um Ponto Pick Me (vejam a lista aqui).

Querem que partilhe convosco as minhas escolhas/compras? Vão aproveitar esta oportunidade?