Seja lá qual for a montra de perfumaria para onde nos viramos, lá está ela graças à campanha dos batons. É podre de gira (mesmo com um porta-aviões dentro da boca), podre de estilosa, podre de charmosa, podre de tudo o que é bom!

E o pior é que faz aquela cara de cabrinha desentendida, como se não fosse nada com ela, com a agravante de ter o marido que tem em casa. Só para fazer pirraça! Não acho bem, pois não acho. Depois diz que é o Rouge Coco. Ela é que é cocó!

Vanessa, és má! Já estou como a Cat.

P.S. – Cheira-me que ainda vai sobrar para mim depois deste post, não é amor?

TRANSLATION

Dammit!

Anywhere we go, whatever is the beauty store of our choice, she’s always there thanks to the lipsticks ads. She’s gorgeous (even with that huge aircraft carrier in her mouth), she’s stylish, she’s attractive, she’s got everything good in this planet.

And the worse is that she makes that b*tchy face, as if it was not of her business, and it gets worse when we think about that awesome hubby she’s got at home. Just to make us feel jealous! It’s not nice of her, it’s not. And then she says it’s the Rouge Coco.

You’re evil, Vanessa!

8 comments on “Bolas, ‘Pá!

  1. Vi um filme com ela este FDS e eu que não lhe via nada de especial, passei a ver 🙂
    (filme L'Arnacoeur, com o Romain Duris).

    A Elite

  2. Flor: Sem graça? 😛 Fazem um casal perfeito (isto porque ele ainda não me conheceu *cof cof*). Ele tem qualquer coisa (muita coisa) que o torna especial.

    Beijinho

  3. Olha, não sabia que era ela (acabei de esbarrar no teu blog (no bom sentido!) e estou a cuscar)! Realmente, a maquilhagem, entre outras coisas, é milagrosa: nunca tinha reparado na boca dela! Já lá estaria antes?
    Bjs,
    M.

Deixar uma resposta