Pois é, tudo o que é bom acaba depressa e a prova disso são as férias fora de Lisboa que terminaram hoje. Sabem que mais? Isto é o caos.

Já tenho saudades da praia, da casa espaçosa, do pãozinho alentejano, de não ter obrigações, de dormir até altas horas, de não ter Internet, de ter uma banheira (não é lá muito ecológico, eu sei, mas cá só tenho duche e portanto rendi-me mesmo a uns banhinhos de imersão lá em Santo André!) e do resto que por lá há. Já tenho saudades do pôr-do-sol na Vacaria, da areia e das conchinhas, já tenho saudades dos foguetes em Porto-Côvo, dos passeios nocturnos, dos bolos e das trancinhas, do tricô (sim, aprendi a tricotar!) na praia…

Patrícia, não te escapas ao próximo jantar de blogueiros!

Malta, esperem por novidades frescas para o Outono/Inverno nos próximos dias.

Cá estou eu!

10 comments on “”

  1. Nanda: Porto-Côvo em si é ainda mais linda no Inverno, quando não tem lá ninguém e o mar anda bravo ;D

    Libelinha: Sim, eu mostro o que ando a fazer 😛 Não é grande espingarda, é fácil de fazer mas, que querem? Tenho a mania dos cachecóis e como é o básico do básico lá decidi fazer um.

    Beijinho

  2. tshii… tanta coisa feita em tão poucos dias! =) O Alentejo é mesmo isso… paz, muita!

    já me lamentei no post acima relativamente ao jantar =X

    também fui com a famelga ver o fogo a Porto Covo no domingo =)

  3. Cat: Este ano esteve melhor 😛

    Patrícia: O Alentejo é paz porque alguém anda por aí a deitar uns pozinhos do sono! Sim, que eu não fazia nada e andava sempre a dormir pelos cantos 😛 No fim das contas, não fiz nada. O fogo de artifício foi fofusco mas já houve anos melhores! Parece que se contiveram por causa do desastre do nevoeiro do ano passado 🙁

    Beijinho

  4. Patrícia: Sim, foi no ano passado 😛 Eu lembro-me de a minha mãe gabar a festa, que o meu primo estava lá connosco, e no fim foi aquela bodega que se viu 😛

    Beijinho

Deixar uma resposta